Polónia: "Fotografar o 25 de Abril", encontro com Alfredo Cunha em Varsóvia

Publicado em segunda, 09 junho 2014 11:59

O fotógrafo português Alfredo Cunha irá partilhar a sua experiência como fotojornalista, especialmente durante a cobertura do 25 de Abril, num encontro moderado por Jan Skórzyński, no dia 11 de junho de 2014, pelas 18h00, na Casa dos Encontros com a História, em Varsóvia.

No mesmo local, está patente ao público até 31 de agosto a exposição (Des)continuidades. O Século XX português – da Queda da Monarquia à Revolução dos Cravos”, composta por fotografias de arquivo que documentam a sociedade portuguesa ao longo do séc. XX, com especial atenção para 25 de Abril, retratado em fotografias de Alfredo Cunha.

Neto e filho de fotógrafos, Alfredo Cunha cedo é iniciado no ofício da fotografia, ajudando o pai na execução de trabalhos comerciais. Começa por trabalhar no Notícias da Amadora e publica, em 1972, o seu primeiro livro – Raízes de uma Força – imediatamente proibido pela censura. Em fins de 1972 entra para os quadros do Século Ilustrado pela mão de Eduardo Gageiro. Aí permanece até 1977 quando esta publicação encerra portas. Transita então para a ANOP (Agência Noticiosa Portuguesa), desta para a NP (Notícias de Portugal) e depois para a Lusa, cumprindo sempre serviço de agência. Participa na fundação do jornal Público, onde entra como editor fotográfico, jornal que só abandonará em 1998 por cargo semelhante no grupo Edipresse. Posteriormente foi editor dos jornais Comércio do Porto e Jornal de Notícias. Atualmente é fotógrafo freelance.

 

 

 

Tópicos neste artigo:
Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.