Pedro Costa distinguido no Festival de Cinema de Locarno

Publicado em terça, 19 agosto 2014 16:26
«Cavalo Dinheiro», de Pedro Costa (Reprodução/Twitter)

O cineasta Pedro Costa foi distinguido no sábado passado, dia 16 de agosto, no Festival de Locarno, na Suíça, com o Prémio para o Melhor Realizador pelo filme «Cavalo Dinheiro».

O Secretário de Estado da Cultura, Jorge Barreto Xavier, em nome do Governo, felicitou o cineasta, que em comunicado afirmou ser «uma das vozes mais relevantes do cinema nacional no contexto internacional».

«Pedro Costa tem vindo a desenvolver, ao longo da sua carreira, uma linguagem cinematográfica própria, gerando um contributo pessoal para o património cinematográfico contemporâneo e tornando-se uma das vozes mais relevantes do cinema nacional no contexto internacional», afirma o Secretário de Estado, que atesta que «esta distinção é, também, mais um reconhecimento do cinema português».

O Secretário de Estado, sublinhou ainda que o Festival Internacional de Locarno «com mais de 60 anos, é considerado, pela crítica, um dos mais importantes festivais de cinema do mundo».

Num texto assinado pelo crítico Boris Sollazzo, publicado no portal do Festival, pode ler-se que o filme “Cavalo Dinheiro”, é “ a última etapa, para já, de uma jornada criativa consistente e poderosa”, do realizador português.

"Cavalo Dinheiro", que retoma a personagem Ventura, junta-se assim à trilogia iniciada com "Ossos", da qual fazem também parte "No quarto de Vanda" e "Juventude em marcha".

Esta foi a segunda vez que o realizador foi distinguido em Locarno. Em 2007 recebeu o Prémio do Júri, por “Memórias”.

 

 

 

Tópicos neste artigo:
Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.