Espanha: NEXOS questiona a literatura portuguesa depois de Orpheu

Publicado em quinta, 24 setembro 2015 07:23

Com o apoio do Centro Cultural Português em Vigo/Camões, I.P., Santiago de Compostela acolhe no dia 17 de outubro de 2015, às 12h00, um debate intitulado “A revista Orpheu e a literatura portuguesa do século XX” organizado no âmbito do “Nexos – Ciclo de Cultura Contemporânea” da Gaiás - Cidade da Cultura.

O evento contará com apresentações de Antonio Cardiello, que irá apresentar a Casa Fernando Pessoa, Rosa Maria Martelo, que falará de Herberto Helder, Lídia Jorge que abordará a sua obra e as suas leituras e Carlos Quiroga que lerá, nos interstícios, textos que selecionou da revista Orpheu, de Herberto Helder e da própria Lídia Jorge.

No contexto do dabate, terá lugar ainda a projeção da curta-metragem “As deambulações de um mensageiro alado” de Edgar Gonsalves Preto (1969).

A curta-metragem retrata um anjo que caminha pela cidade de Lisboa e atrás dele segue uma câmara de filmar. No percurso pela cidade faz uma paragem num café onde está Herberto Helder com A colher na boca (título de um livro de poemas publicado em 1961) e, assim, se inicia uma paródia do poeta com alguns dos títulos da sua obra, levados à letra.

Sobre os participantes:

Antonio Cardiello

Doutor em Filosofia (Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa), investigador, editor da obra pessoana e consultor da Casa Fernando Pessoa;

Rosa Maria Martelo

Professora da Faculdade de Letras da Universidade do Porto, investigadora, ensaísta e poetisa;

Lídia Jorge

Um dos nomes mais relevantes da prosa portuguesa no feminino (muito premiada dentro e fora de Portugal, condecorada com a Grã-Cruz da Ordem do Infante D. Henrique e como Dama das Artes e das Letras de França);

Carlos Quiroga

Escritor e Professor Universitário.

 

 

 

 

Tópicos neste artigo:
Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.