Timor-Leste: Jazz de Júlio Resende homenageia Amália

Publicado em terça, 27 outubro 2015 11:47

No âmbito das comemorações dos 500 anos do encontro civilizacional entre Portugal e Timor-Leste, o Centro Cultural Português em Díli/Camões, I.P. e a Embaixada de Portugal em Díli apresentam, no dia 29 de outubro de 2015, pelas 19h00, um concerto do pianista de jazz Júlio Resende, numa homenagem do artista a Amália, que decorrerá no Hotel Timor.

Na segunda parte deste concerto, por cortesia do Institut Français em Timor-Leste, atuará também o Duo Ykeda.

As comemorações dos 500 anos do Encontro Civilizacional entre portugueses e timorenses, organizadas pelo Governo de Timor-Leste, e que decorrem entre 16 a 24 de novembro de 2015, pretendem “assinalar a chegada dos navegadores e missionários portugueses a Lifau, Oe-Cusse Ambeno, marco histórico de elevado significado na afirmação da nova identidade Timorense e na construção de Timor-Leste”.

Estas festividades, a terem lugar em Díli, Oecusse e nos 11 municípios, integram um programa de múltiplas manifestações culturais, em diferentes domínios, numa abordagem histórica, cultural e intelectual, a que se associaram o Camões, I. P. e a Embaixada de Portugal.

Júlio Resende tem formação em música clássica, fez uma incursão pelo Jazz e chegou mais recentemente ao Fado. O seu trabalho "Amália por Júlio Resende" foi unanimemente aclamado pela crítica e enaltecido pela CLASSICA – prestigiada revista francesa que classifica os melhores músicos e instrumentistas do mundo.

 

 

 

 

Tópicos neste artigo:
Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.