Óbito: Cultura perde Paulo da Cunha e Silva

Publicado em quarta, 11 novembro 2015 11:48

Paulo da Cunha e Silva, que exercia funções de vereador da Cultura da Câmara do Porto, morreu hoje de madrugada devido a problemas cardíacos. O autarca foi um dos principais responsáveis pela programação do Porto 2001, tendo sido eleito vereador da Cultura nas últimas eleições autárquicas.

Cunha e Silva foi presidente do Instituto das Artes do Ministério da Cultura, conselheiro Cultural da Embaixada de Portugal em Roma e Comissário de um extenso programa de Guimarães 2012. Colaborava há largos anos com a Fundação de Serralves, com a Fundação Gulbenkian e era presidente da Comissão de Cultura do Comité Olímpico Português.

Era licenciado em Medicina, sendo Mestre e Doutor pela Universidade do Porto, onde foi Professor de Anatomia. Atualmente, era professor associado de Pensamento Contemporâneo na Faculdade de Desporto da Universidade do Porto.

Com Lusa/Foto: Miguel Nogueira

 

 

 

 

Tópicos neste artigo:
Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.