Alemanha: Leonor Teles vence Urso de Ouro em Berlim

Publicado em segunda, 22 fevereiro 2016 07:30

A realizadora Leonor Teles venceu no dia 20 de fevereiro de 2016, o Urso de Ouro da competição de curtas-metragens, do Festival Internacional de Cinema de Berlim, pelo filme "Balada de um Batráquio". A participação portuguesa no “Berlinale” contou com o apoio do Camões, I.P.

O filme aborda a prática, comum em Portugal, do uso de sapos de cerâmica, por lojistas e proprietários de cafés e restaurantes, para evitarem a entrada nos seus estabelecimentos de membros da comunidade cigana, que têm várias superstições ligadas ao animal.

A cineasta já se tinha centrado nesta comunidade no primeiro filme, "Rhoma Acans", tendo declarado à Agência Lusa que a impotência sentida na primeira película a inspirou a desenvolver uma nova abordagem, em "Balada de um Batráquio".

O filme concorria pelo urso de ouro na secção de curtas-metragens, do Festival de Cinema de Berlim, com outras 24 películas, incluindo outra, também portuguesa, "Freud und Friends", de Gabriel Abrantes.

A 66.ª edição da Berlinale contou com a presença de oito filmes de produção portuguesa, três dos quais na competição oficial, incluindo a longa-metragem "Cartas de Guerra", de Ivo Ferreira, inspirada na correspondência de António Lobo Antunes.

Em 2012, João Salaviza foi igualmente distinguido com o Urso de Ouro de Berlim, pela curta-metragem "Rafa".

Com Lusa

 

 

 

 

Tópicos neste artigo:
Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.