Angola: “A Voz Poética da Mulher” em homenagem a Luísa Fançony e Albina Assis

Publicado em sexta, 11 março 2016 10:35

O Centro Cultural Português/Camões, I.P. em Luanda, vai acolher, no dia 15 de março de 2016, o Recital de Poesia “A Voz Poética da Mulher”, numa homenagem a Luísa Fançony.

A poesia tem acompanhado toda a vida de Luísa Fançony, desde os tempos de escola, até chegar à Rádio. Defende que “O sentido poético faz parte de uma rádio mais suave”. Com a sua voz sublime não sabe declamar poesia, apenas gosta de “ler poesia”.

No dia 16, decorrerá outro Recital de Poesia, num tributo a Albina Assis, uma reputada figura pública, que se tem destacado não só a nível do país, onde desempenhou funções da maior responsabilidade no Governo, mas também por ter projetado a imagem de Angola em várias Exposições Mundiais (Expos Japão, Espanha, China, Coreia e Itália), como Comissária Geral, sob o lema “Dar a conhecer Angola ao mundo e permitir ao mundo conhecer Angola". "Angola, um país aberto ao mundo”.

Nesses palcos internacionais tem promovido as raízes tradicionais da cultura nacional, mas também a Angola da modernidade, recorrendo a meios audiovisuais e tecnologia interativa diferenciada.

É nesta ligação entre a Poesia e a Mulher que o CCP em Luanda vai homenagear duas figuras marcantes na criação da identidade angolana, nomes incontornáveis da vida pública do país, pioneiras na defesa dos direitos das mulheres, e grandes referências de valores éticos e humanos.

 

 

 

 

Tópicos neste artigo:
Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.