Eurídice Getúlio Kala vence Residência Artística para Artes Visuais e Fotografia em Lisboa

Publicado em segunda, 11 abril 2016 17:26

Eurídice Getúlio Kala é a artista vencedora da 2ª edição do programa de Residência Artística para Artes Visuais e Fotografia, criado ao abrigo de um Protocolo de Cooperação assinado entre a Câmara Municipal de Lisboa e o Centro Cultural Português/Camões, I.P. em Maputo, em 2015.

O Júri, constituído por Jürgen Bock (curador independente convidado), Miguel Caissotti (Câmara Municipal de Lisboa) e Alexandra Pinho (Centro Cultural Português/Camões, I.P. em Maputo), decidiu por unanimidade selecionar a proposta de trabalho de Eurídice Getúlio Kala pela sua pertinência e adequação à lógica deste programa, bem como por constituir um efetivo projeto de pesquisa e questionamento.

Na deliberação, o Júri constatou ainda que o percurso artístico de Eurídice Kala “é coerente com a proposta apresentada, ficando ainda demonstrado que o tipo de programa a que agora se submete confere um acréscimo curricular determinante para efeitos de profissionalização no campo da criação artística contemporânea”.

A residência artística tem a duração de um mês e destina-se a artistas visuais e/ou fotógrafos moçambicanos que já tenham currículo na área e pretendam desenvolver um projeto coerente, consistente com o percurso artístico do candidato, pertinente na proposta de relação com a cidade de Lisboa e com reconhecido interesse artístico no âmbito da arte contemporânea.

Eurídice Kala será artista em residência em Lisboa entre 19 de maio e 19 de junho deste ano.

 

 

 

 

Tópicos neste artigo:
Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.