Camões, I.P. e Fundação Calouste Gulbenkian lançam 2.ª edição do concurso de Investigação para o Desenvolvimento

Publicado em terça, 20 setembro 2016 21:00

O Camões - Instituto da Cooperação e da Língua e a Fundação Calouste Gulbenkian lançam a 10 de outubro de 2016 a 2.ª edição do concurso de Investigação para o Desenvolvimento.

 

Este concurso vai distinguir dois projetos de cooperação para o desenvolvimento promovidos por ONGD nacionais que tenham por objetivo publicar, em revistas científicas, com revisão pelos pares, os resultados alcançados, contribuindo para o reforço da capacidade de produção de conhecimento e influência de políticas públicas por parte das ONGD. Os projetos devem estar concluídos ou em fase final de conclusão à data de apresentação da candidatura.

Podem candidatar-se ONGD nacionais, legalmente reconhecidas pelo Camões, I.P. há mais de três anos, em parceria com instituições de ensino superior e de investigação com mérito reconhecido nas áreas de intervenção a que os projetos reportam.

Um júri composto por peritos reconhecidos na área da cooperação para o desenvolvimento vai selecionar duas candidaturas às quais será atribuído um apoio até 10 mil euros/cada.

As candidaturas poderão ser feitas no site da Fundação Calouste Gulbenkian em https://gulbenkian.pt/iniciativas/parcerias-desenvolvimento/ de 10 a 31 de outubro de 2016.

Os projetos Coerência das Políticas de Desenvolvimento: Desafio para a Cidadania Ativa em Cabo Verde, uma parceria entre a ONGD IMVF -Instituto Marquês de Valle Flôr e o IUL – Centro de Estudos Internacionais e Observatório dos Direitos na Guiné-Bissau, um trabalho conjunto da ACEP: Associação para a Cooperação entre Povos e do CESA – Centro de Estudos sobre África da Universidade de Lisboa foram os vencedores da edição de 2015.

Tópicos neste artigo:
Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.