Dia Internacional da Tolerância Zero à Mutilação Genital Feminina

Publicado em segunda, 06 fevereiro 2017 15:52

O Dia Internacional da Tolerância Zero à Mutilação Genital Feminina é observado pelas Nações Unidas anualmente, sempre no dia 6 de fevereiro, para chamar atenção para um facto alarmante: mais de 140 milhões de meninas e mulheres, em todo mundo, já foram sujeitas a estas práticas violadoras dos direitos humanos.

A Mutilação Genital Feminina (MGF) refere-se a todos os procedimentos que envolvem a alteração ou ferimento dos órgãos genitais femininos por razões que não sejam médicas. É reconhecida internacionalmente como uma violação dos direitos humanos das meninas e mulheres e constitui uma ameaça para a sua saúde, bem-estar e auto-estima, pondo muitas vezes em risco a própria vida.

Em Portugal realizam-se neste dia sessões evocativas, com divulgação de dados e análise do plano para prevenir e combater a mutilação genital feminina, nomeadamente o III Programa de Ação para a Prevenção e Eliminação da Mutilação Genital Feminina 2014 - 2017.

 

Tópicos neste artigo:
Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.