Dia Mundial das Zonas Húmidas celebrado na Guiné-Bissau no Parque Europa – Lagoa N’Batonha

Publicado em quinta, 23 fevereiro 2017 07:31

Comemorou-se, no passado dia 2 de fevereiro, o Dia Mundial das Zonas Húmidas 2017 na Guiné-Bissau, no Parque Europa – Lagoa N´Batonha, situado no centro da cidade de Bissau. Este dia mundial é comemorado no âmbito da Convenção de Ramsar sobre Zonas Húmidas de importância internacional, da qual a Guiné-Bissau faz parte desde maio de 1990, e procura chamar a atenção para a importância da preservação destes ecossistemas.

O Parque está a ser construído no âmbito do projeto “Kau di Catchu ku Kau di Pecadur”, promovido pela ONGD Monte em parceria com a Câmara Municipal de Bissau, com financiamento da União Europeia e do Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, I.P., tendo em vista a recuperação e requalificação da Lagoa N’Batonha enquanto zona húmida importante para o país, localizada no coração da cidade de Bissau. O Parque contará com duas áreas distintas: uma área natural, vocacionada para a conservação da biodiversidade, que inclui um centro de interpretação destinado à sensibilização e educação ambiental e pontos de observação da fauna e da flora, e outra de lazer que inclui, designadamente, um parque infantil, equipamentos para a prática de exercício físico e uma cafetaria.

A população da cidade de Bissau e todos aqueles que a visitam passam a ter ao seu dispor um espaço de excelência para atividades de recreio e educativas, que combinam o exercício de atividades lúdicas, com a sensibilização e aprendizagem da importância de preservação das zonas húmidas, enquanto ecossistemas de reprodução para espécies piscícolas e avifauna.

 

Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.