ONGD MOVE organiza Fórum no Centro Cultural Português em São Tomé

Publicado em quinta, 20 julho 2017 09:30

A ONGD MOVE realizou, no dia 10 de julho de 2017, no Camões – Centro Cultural Português em São Tomé, o Fórum MOVE. No âmbito desta iniciativa, que assinalou a despedida da sua 13ª equipa, a ONGD organizou uma apresentação dos projetos e negócios que tem acompanhado em São Tomé, mostrando a sua evolução e ao mesmo tempo proporcionando aos visitantes uma degustação e mostra dos produtos transformados.

Estiveram presentes vários empreendedores santomenses que com o apoio do MOVE conseguiram desenvolver e dinamizar os seus negócios. Entre estes destacam-se a Associação das Mulheres de Vista Alegre, com a marca Gosto Alegre; o Wally e a sua empresa Elagric; a Genoveva e os produtos Anjo Doce; a Germina com o Bôbo Frito, a Pala-pala, a banana, fruta-pão e outras delicias; a Preciosa da Zeza com a sua Pala-pala e “os melhores pasteis de São Tomé”; o Fio Tela, com a produção e transformação de papel reciclado, utilizando também a folha da bananeira; a Firma Efraim, conhecida mais pelo café de Monte Café e o Projeto HI-Social, projeto de reinserção social com formações na área do artesanato, apresentando-nos as suas famosas pens drive.

A ONGD MOVE encontra-se em São Tomé e Príncipe desde 2011, contando já com 13 missões naquele país. Tem apostado num trabalho conjunto com outras ONG, e na formação e consultoria a novos empreendedores. Entre os seus projetos destacam-se a fundação da StartUp STP, uma incubadora de empresas de São Tomé; o projeto Hi-Social, de carácter social que junta tecnologia a artesanato local, com o apoio da Embaixada de Portugal através do Fundo de Pequenos Projetos; o Clube de Empreendedorismo no Liceu Nacional, com o objetivo de promover a participação dos alunos em atividades extra-curriculares não relacionadas diretamente com as aulas mas sim com as suas soft skills e conhecimentos importantes na sua formação pessoal/ profissional e, mais recentemente, um projeto de formação de artesãos na área da transformação do vidro, também com o apoio da Embaixada de Portugal.

 

 

 

 

 

 

 

Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.