Portugal País Convidado da Feira do Livro de Leipzig em 2021

Publicado em sexta, 16 março 2018 09:52

Portugal é o país convidado da Feira de Leipzig em 2021, assegurando este ano a sua terceira participação naquela que é a segunda maior Feira do Livro da Alemanha e uma das mais relevantes da Europa.

 

Na edição de 2018, que decorrerá entre 15 e 18 de março, marcarão presença os escritores portugueses Almeida Faria, Isabela Figueiredo, Rui Cardoso Martins, Miguel-Manso e Marta Chaves; os autores cabo-verdianos Arménio Vieira (Prémio Camões, em 2009) e Filinto Elísio; Bernardo Carvalho, escritor brasileiro distinguido por duas vezes com o Prémio Jabuti, e Ricardo Domeneck, poeta e tradutor brasileiro sediado que vive em Berlim desde 2002. Kalaf Epalanga (escritor e músico angolano que vive entre Lisboa e Berlim) participará numa mesa redonda sobre literatura em língua portuguesa. Será ainda apresentada a primeira edição alemã da autora Hélia Correia (Prémio Camões, em 2015), fruto da sua presença em Leipzig, em 2016. Está igualmente prevista uma conversa com Diana Gomes Ascenso, investigadora da Universidade Livre de Berlim e autora do estudo “Resistência Poética no Estado Novo - A Poesia de Sophia de Mello Breyer Andresen” moderada pela Professora Dra. Verena Dolle da Universidade de Gießen sobre a obra de Sophia de Mello Breyner, nome maior da literatura portuguesa, vencedora, também, do Prémio Camões, em 1999, que tem apenas uma obra da sua autoria publicada na Alemanha, integrando algumas antologias poéticas.

A coordenação e programação da presença portuguesa na Feira do Livro de Leipzig são da responsabilidade do Camões – Instituto da Cooperação e da Língua e da Embaixada de Portugal em Berlim.

A presença na Feira do Livro de Leipzig é uma iniciativa no quadro da Ação Cultural Externa em que cooperam o Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, a DGLAB – Direção Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas (Ministério da Cultura), a Fundação Calouste Gulbenkian, a EGEAC- Empresa de Gestão de Equipamentos e Animação Cultural/Casa Fernando Pessoa e diversas editoras portuguesas e alemãs.

Portugal marcou presença na Feira do Livro, pela primeira vez, em 2016, no contexto do trabalho que tem vindo a ser feito pela Embaixada de Portugal em Berlim na área do Livro e que envolve iniciativas como o convite a editores alemães para se deslocarem à Feira do Livro de Lisboa, a atribuição de uma Bolsa de Residência Literária, um programa de leituras na Feira do Livro de Frankfurt e um trabalho muito próximo com editores, tradutores e festivais do livro e da literatura na Alemanha.

A Feira de Leipzig que, por razões históricas, foi durante anos dirigida para literaturas da Europa Central, Leste e Sudeste, tem vindo a ganhar dinâmica internacional, com 2493 expositores de 43 países, 285.000 visitantes, dos quais 206.000 no espaço da feira e 79.000 nas leituras na cidade, 56.500 visitantes profissionais e mais de 3000 jornalistas a reportar sobre a feira e eventos paralelos.

A Alemanha é um dos maiores mercados editoriais do mundo, com cerca de 10.000 traduções a serem publicadas anualmente neste país.

Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.