Reino Unido: Documentários com temas de Moçambique no King’s College

Publicado em sexta, 03 fevereiro 2012 12:54

Dois documentários com temas de Moçambique, da realizadora e etnógrafa Ana Godinho de Matos, vão ser exibidos a 8 de fevereiro na capital britânica, numa iniciativa do Centro de Estudos em Língua Portuguesa do Instituto Camões (CELP/IC) no King’s College de Londres.

N'thiana Othampítjá Tríptico/A triptych of fisherwomen e Ilha Fragments/Fragmentos da Ilha. An Exploration of Space in the Island of Mozambique são os títulos dos documentários de Ana Godinho de Matos, exibidos no Strand Campus do King’s College de Londres.

A sessão será seguida de perguntas e respostas com a realizadora e de um debate moderado por Luísa Pinto Teixeira, diretora do CELP/IC, com a participação de Malyn Newitt (King’s College de Londres) and Erica Rodrigues (FilmVille).

Ana Godinho de Matos vive em Londres e nos últimos seis anos tem trabalhado sobretudo como realizadora, operadora de câmara e montadora.

Com formação em jornalismo e um mestrado em antropologia e políticas culturais, especializou-se em documentários etnográficos, culturais e promocionais para organizações, a par da realização dos seus próprios «filmes independentes». A produtora ChameleonEye, de que é proprietária e que dirige, desenvolve a sua atividade na documentação em vídeo no campo das artes.

Os dois filmes agora apresentados em Londres resultam de uma estadia em Moçambique, onde Ana Godinho de Matos se deslocou recentemente como consultora voluntária da Fundação Aga Khan. Para esta instituição, a realizadora passou três meses na província de Cabo Delgado (norte de Moçambique), rodando documentários etnográficos e trabalhando também nos seus projetos.

N’Thiana Othampítjá Tríptico/A Triptych on Fishing Women, cujo título original é na língua macua, acompanha as mulheres da aldeia de Murrebue, situada junto a uma praia no extremo norte de Moçambique, que diariamente, em grupos, de forma ritmada e ritualística, quando a maré o permite, pescam na linha de costa.

Na mesma ocasião da exibição dos filmes, será assinalado, com a presença de Margarida Villas-Boas, o lançamento da organização de caridade registada no Reino Unido A Little Gesture. A Great Help, cuja missão é promover a melhoria das condições de vida de crianças carenciadas e suas famílias em Moçambique.

 

 

Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.