Espanha: Semana cultural Portugal Convida em Barcelona

Publicado em sexta, 01 junho 2012 12:15

A cidade de Barcelona acolhe entre 04 e 12 de junho a edição deste ano da semana cultural portuguesa “Portugal Convida/Portugal Experiência”, que este ano, entre outros, terá as visitas de Lula Pena e dos Blind Zero.

O encontro cultural, organizado pelo Consulado de Portugal em Barcelona, incluirá a celebração do dia nacional, com um evento no dia 09 de junho nos Jardinets de Grácia, local que já acolheu as festas das quatro edições anteriores do Portugal Convida.

Prevê ainda atuações dos La Fura dels Baus e da sua Marioneta Cósmica (preparada para Guimarães 2012), a retransmissão em direto do encontro para o Campeonato Europeu de Futebol entre Portugal e a Alemanha e atuações da Escola de Circo do Chapitô.

Um dos pontos altos é a festa ao ar livre nos Jardinets de Grácia, onde haverá concertos de Lula Pena e dos Blind Zero, comida e bebida, servidos por espaços comerciais gastronómicos instalados na cidade.

Uma mostra do MAUP (Mercado de Artesanato Urbano Português) e a atuação dos Djs Cap Terra faz ainda parte do programa.

No campo da arte, a Galeria Il.lacions acolhe, entre 04 e 09 de junho, a exposição “Entre outras coisas” com obras dos artistas portugueses Inês Fonseca Santos (literatura), Pedro Macedo (fotografia), João Fazenda (ilustração), Maria Ana Vasco Costa (cerâmica) e Ricardo Dourado (moda).

A mostra tem como ponto de partida o livro de poesia contemporânea “ As coisas”, de Inês Fonseca Santos.

O Centro de Cultura Contemporânea de Barcelona acolhe, no dia 06, a exposição “Meteorologia para Piano – Duplicidade e Cumplicidade”, com obras de pintura de Manuel d’Olivares e um recital de piano de Miran Devetak.

“Nasceu depois de uma viagem que os autores - Manuel d’ Olivares, artista plástico português residente em Barcelona, e Miran Devetak, pianista italo-esloveno residente em Paris - fizeram aos Açores, onde se inspiraram, confrontados com os fenómenos da natureza, aí presentes de uma forma muito intensa, e relacionando com a menção ao “Anticiclone dos Açores” nos boletins meteorológicos dos países onde vivem”, explica o programa.

Haverá ainda um ciclo de cinema independente, sob o tema “Hipóteses para um futuro”, na Filmoteca da Catalunha onde Edgar Pera apresentará a projeção de “O Barão”.

O ciclo inclui também “E na Terra, não é na Lua” e “Balaou”, de Gonçalo Tocha, “Guerra Civil”, de Pedro Caldas, “Infinito”, de André Santos e Marco Leão, e “Palácios de Pena”, de Gabriel Abrantes e Daniel Schmidt.

Fazem ainda parte do ciclo “Angst”, de Graça Castanheira, “Incêndio”, de Karen Akerman e Miguel Seabra Lopes, e “Fragmentos de um diário”, de André Príncipe e Marco Martins.

O COAC – Colégio de Arquitetos da Catalunha – acolhe a apresentação do livro e do documentário sobre João de Castilho, arquiteto espanhol que trabalhou nos principais monumentos de Portugal de estilo Manuelino e Renascentista, monumentos esses que foram declarados pela UNESCO Património Mundial da Humanidade.

ASP.

Lusa/

 

Programa

 

 

Tópicos neste artigo:
Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.