Cabo Verde: CONTO o que se CONTA

Publicado em sexta, 10 agosto 2012 08:03

Entre 24 de agosto e 8 de setembro de 2012, estará no Mindelo um grupo constituído por cinco jovens e três adultos que, em várias sessões, em diferentes lugares e comunidades de S. Vicente, irão contar histórias a crianças. O objetivo é divulgar a tradição oral cabo-verdiana e, simultaneamente, aumentar as competências em língua portuguesa de crianças em idade escolar.

Simultaneamente, terá lugar uma oficina de técnicas e recursos narrativos para narração oral, onde através de diferentes formas de expressão artística, os participantes poderão criar objetos, músicas ou coreografias próprias e adequadas aos contos tradicionais cabo-verdianos. Esta oficina é aberta a pais, professores, jovens, artistas plásticos, artesãos, atores e a todos os interessados.

Recorde-se que esta ação está incluída no projeto de Voluntariado e Educação Artística “CONTO o que se CONTA” que nasceu no Clube de Voluntariado da Escola Secundária de Póvoa de Lanhoso, com o objetivo de sensibilizar os alunos para a diferença de culturas e para a utilização de diferentes formas de expressão artística na divulgação e no respeito pela tradição oral. Para esse trabalho foram escolhidos alguns contos tradicionais cabo-verdianos pelo que, desde o início, se previa uma extensão do projeto a Cabo Verde.

Os interessados poderão inscrever-se na Biblioteca do IC/ Centro Cultural Português até 17 de agosto.

 

 

Tópicos neste artigo:
Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.