Camões, IP, patrocina projecto de arte pública CONTENTORES em Liverpool

Publicado em terça, 11 setembro 2012 08:18

A P28 / Liscont e o Camões- Instituto da Cooperação e da Língua vão inaugurar o projeto de arte pública, CONTENTORES com o artista Miguel Palma, que apresenta o projeto site-espeficf - "Air Print" com curadoria de Luísa Santos, no dia 15 de Setembro, às 16h00 na City States - Liverpool Biennial, em Liverpool.

No terceiro ano do projeto Contentores, e após intervenções na Docas de Alcântara em 2010, Centro Cultura de Belém (2011) e Guimarães Capital Europeia da Cultura (2012), surge o convite de pela primeira vez se internacionalizar com a participação na Bienal de Liverpool.

O projeto Contentores, da P28 faz interpretações de lugares pelo uso do que, à primeira vista, poderia ser classificado de deready made. Contentores de grandes dimensões que não ficam na sua forma de contentor mas são transformados em objectos artísticos. Interiorizando as noções de descontextualização e interpretação de um contentor, e tendo em consideração a localização do projeto, sob a curadoria de Luisa Santos, no edificio LJMU Cooperas Hill em Liverpool, Air Print (2012) de Miguel Palma tem como objetivo contribuir para os discursos do papel da arte em mudança à escala local.

Air Print (2012) para Contentores mostra uma característica do trabalho de Miguel Palma: a criação de objetos que ficam num limbo entre mundos que poderiam ser contraditórios.

A um primeiro olhar, vê-se um contentor transformado numa máquina estranha, uma máquina de ventilação que parece ser criada por um engenheiro. A um olhar mais atento, percebe-se o trabalho artístico, uma máquina de criar desenhos. Desenhos esses que resultam da filtragem - meticulosamente calculada, minuto a minuto - do ar que vai ficando mais puro com o uso da máquina. As partículas de pó acumulam-se no filtro, que aqui faz também o papel de tela, e criam um desenho de 1,40 x 1,40 metros a cada duas semanas. As referências ao mundo natural e ao artificial também coabitam no Air Print: é uma máquina de filtragem de ar e de fazer desenhos, mas é também um pulmão mecânico.

Recorde-se que o projeto CONTENTORES pretende assumir um papel dinamizador ao adotar um formato pouco convencional na arte pública contemporânea, que se replica em manifestações de artistas reconhecidos no panorama artístico português e internacional mas sob uma vertente Site Specific – obra específica para o espaço. Esta solução conceptual - Site Specific – compreende numa necessidade estética, orientada pelo suporte utilizado (contentor) para a recepção de obras, sem perda de identidade ou transformação da sua forma mas, sim, como uma reorientação ou redefinição das prioridades na sua génese do suporte escolhido.

Pretende-se o reaproveitamento de um objeto já existente e de utilidade distante do propósito aqui referido, mas processando-o ao reorganizá-lo, e aprestando-o como um elemento tão importante para a obra como os próprios objectos artísticos.

Mais informação:

www.p-28.com

www.contentoresp28.com

 

 

Tópicos neste artigo:
Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.