República Checa: Dia Europeu das Línguas em Praga

Publicado em quinta, 27 setembro 2012 18:48

Cinema, cursos de língua portuguesa e a participação num ‘speak-date’ estiveram entre as atividades desenvolvidas pelo Centro de Língua Portuguesa (CLP)/Camões, IP em Praga, que manteve as suas portas abertas a 26 de setembro no âmbito da celebração do Dia Europeu das Línguas.

Nesse dia, os centros culturais e embaixadas de diversos países da Europa desenvolveram várias atividades de dinamização, no sentido de alertarem para a importância da aprendizagem das línguas no ambiente de globalização e facilidade de comunicação em que atualmente se vive.

Para além de curtas-metragens exibidas na sala polivalente do Centro, realizaram-se dois míni-cursos de Português, que contaram com a participação de algumas turmas das escolas básicas do 1º e 2º ciclos de Praga.

O CLP/Camões, IP foi também visitado por pessoas que pretendiam saber mais sobre as culturas dos países de língua portuguesa e sobre o atual estatuto da língua portuguesa no mundo.

Ainda no contexto do Dia Europeu das Línguas, o núcleo da EUNIC (rede de institutos nacionais de cultura da União Europeia) de Praga, do qual o Camões, IP faz parte, organizou um speak-date, evento que consistiu na presença de vários professores dos institutos culturais e embaixadas europeias num café improvisado na estação ferroviária de Masaryk, no centro da capital checa.

Os participantes estiveram abertos a interagir com qualquer interlocutor interessado em falar numas das línguas dos países representados. Alemanha, Áustria, Bélgica, Bulgária, Estónia, França, Itália, Polónia, Portugal, Reino Unido e Roménia disponibilizaram voluntários para orientar as sessões com os interessados.

No evento participaram ainda o centro cultural da Valónia-Bruxelas e a delegação da Comissão Europeia em Praga.

As mini-conversas estabelecidas entre os professores disponíveis e os transeuntes que passavam pela estação, acabaram por resultar em diálogos muito interessantes, realizados sempre nas línguas de acolhimento.

Pela "mesa" do CLP passaram interlocutores entre os 9 e os 80 anos, muitos deles com experiências de vida que, de alguma forma, se cruzaram com o Portugal contemporâneo mas também com o país tal como existia nas décadas de 1960, 70 e 80.

O Dia Europeu das Línguas em Praga encerrou com um concurso virtual de perguntas e respostas sobre alguns dos aspetos mais interessantes das línguas participantes.

 

 

Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.