Autoridades portuguesas em Bruxelas para “apresentar” Instituto da Cooperação e da Língua

Publicado em segunda, 11 março 2013 19:38

Responsáveis governamentais portugueses e a presidente do Camões I.P., Ana Paula Laborinho, reúnem-se hoje, 11 de março de 2013, em Bruxelas, com o comissário europeu do Desenvolvimento para apresentar o recém-criado Camões - Instituto da Cooperação e da Língua (CICL).

O governo português faz-se representar pelos secretários de Estado dos Assuntos Europeus, Miguel Morais Leitão, dos Negócios Estrangeiros e Cooperação, Luís Brites Pereira e ainda pelo embaixador de Portugal junto da UE, Domingos Fezas Vital. Do lado do executivo comunitário participam o comissário Andris Piebalgs e alguns especialistas da direção geral de Desenvolvimento e Cooperação (EuropeAid).

Da agenda consta uma discussão sobre a cooperação entre Comissão Europeia e Portugal no domínio do Desenvolvimento e a programação conjunta de Cooperação no futuro. O encontro constitui também a oportunidade para as autoridades nacionais apresentarem o “Camões, Instituto da Cooperação e da Língua”, enquanto agência de implementação de cooperação delegada.

O Camões - Instituto da Cooperação e da Língua é um instituto público, integrado na administração indireta do Estado, dotado de autonomia administrativa, financeira e património próprio, que prossegue atribuições do Ministério dos Negócios Estrangeiros sob superintendência e tutela do respetivo ministro.

O instituto tem por missão propor e executar a política de cooperação portuguesa e coordenar as atividades de cooperação desenvolvidas por outras entidades públicas que participem na execução daquela política e ainda propor e executar a política de ensino e divulgação da língua e cultura portuguesas no estrangeiro.

 

 

Tópicos neste artigo:
Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.