Namíbia: “A Bela e o Paparazzo” no Festival de Cinema Ibero-Americano

Publicado em quarta, 10 abril 2013 17:18

A 3ª edição do Festival de Cinema Ibero – Americano realiza-se de 15 a 19 de abril de 2013, no Centro de Língua Portuguesa Diogo Cão, em Windhoek, Namíbia, com filmes de Espanha, Portugal, Cuba, Brasil e Venezuela. A presença lusa é assegurada pela película A Bela e o Paparazzo, de António-Pedro Vasconcelos.

Durante o festival serão exibidos cinco filmes de diferentes países ibero-americanos, sempre pelas 18h00. Assim, o evento arranca a 15 de abril com o cinema espanhol representado pelo filme En la Ciudad sin Limites (2002), de Antonio Herenández.

No dia seguinte, é a vez do filme A Bela e o Paparazzo (2012), do realizador português António-Pedro Vasconcelos, cuja projeção será antecedida por um Porto de Honra servido à entrada do auditório, a partir das 17h30.

Seguem-se Juan de Los Muertos (2011), filme cubano realizado por Alejandro Burguês, e O Palhaço (2011), do brasileiro Selton Mello. O festival termina com a exibição de Patas Arriba (2011), realizado por Alejandro García Wiedemann, da Venezuela.

Esta iniciativa, de entrada livre, é organizada pelas Embaixadas residentes em Windhoek, Namíbia, pertencentes à comunidade Ibero-Americana, (a Embaixada do Brasil, a Embaixada de Cuba, a Embaixada de Portugal, com o apoio do Camões IP, a Embaixada de Espanha e a Embaixada da Venezuela).

A representante da Embaixada da Venezuela, Raquel Escobar-Gómez e a Coordenadora Adjunta do Ensino Português em Windhoek, Carla Pereira, estarão presentes como convidadas no programa de televisão da NBC, "Good Morning Namibia" na próxima sexta-feira, dia 12 de abril, no qual serão entrevistadas no âmbito da organização do Festival de Cinema Ibero-Americano.

 

 

 

 

Tópicos neste artigo:
Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.