Mário Laginha atua a solo em Bruxelas

Publicado em terça, 23 julho 2013 14:27

O músico Mário Laginha, internacionalmente reconhecido como um dos mais talentosos pianistas e compositores portugueses, atua a solo em Bruxelas no dia 20 de Setembro de 2013, num concerto a realizar no Espace Senghor, com o apoio do Camões, IP.

Com uma carreira que leva já mais de duas décadas, Mário Laginha, 53 anos, é habitualmente conotado com o mundo do jazz. Mas se é verdade que os primórdios do seu percurso têm um cunho predominantemente jazzístico – foi, por exemplo, um dos fundadores do Sexteto de Jazz de Lisboa (1984) - o universo musical que construiu com a cantora Maria João é um tributo às músicas que sempre o tocaram.

Assim, a par do jazz sobressaem, nos duetos criados com Maria João, as sonoridades brasileiras, indianas e africanas, a pop e o rock, sem esquecer as bases clássicas que presidiram à sua formação académica e que acabariam por ditar o seu primeiro e tardio projecto a solo, inspirado em Bach (Canções e Fugas, de 2006).

Mário Laginha tem articulado uma forte personalidade musical com uma vontade imensa de partilhar a sua arte com outros músicos e criadores. Desde logo, com Maria João, de que resultou um dos projectos mais consistentes e originais da música portuguesa, com mais de uma dezena de discos e muitas centenas de concertos em salas e festivais um pouco por todo o mundo.

Em finais da década de oitenta, em parceria com o pianista clássico Pedro Burmester, com quem gravaria um disco, uma dupla que seria alargada a Bernardo Sassetti em 2007 no projecto “3 pianos”, com a gravação de um CD e um DVD, além de uma dezena de concertos com fortíssima repercussão na crítica e no público.

O concerto de Mário Laginha em Bruxelas no próximo dia 20 de Setembro, pelas 20h30, resulta de uma parceria entre a Embaixada de Portugal na Bélgica, o Camões -Instituto da Cooperação e da Língua e o Centre Culturel de Etterbeek.

O Espace Senghor, na capital belga, localiza-se na Chaussée du Wavre, 336, 1040 Etterbeek.

 

 

Tópicos neste artigo:
Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.