Irlanda: Instalação de Sara Maia no Museu de Arte Contemporânea de Dublin

Publicado em quinta, 07 novembro 2013 14:27

A artista portuguesa Sara Maia apresenta em Dublin, no Museu Irlandês de Arte Contemporânea (IMOCA) uma instalação intitulada " Fruto Estranho", no âmbito da exposição "New Living Art Internacional" (NLA IV), que inaugura a 7 de novembro de 2013.

A curadora Emmanuelle Marion escolheu Sara Maia e cerca de 35 artistas irlandeses e estrangeiros para participarem neste evento. 

A instalação de Sara Maia, que foi pensada e produzida especificamente para integrar esta mostra, inclui música, desenho e pintura, traduzindo-se numa obra que cruza influências de Bosch, Khalo e Goya, apelando à interação do público.

No decorrer da exposição na capital irlandesa, Sara Maia vai também dirigir masterclasses dirigidas a artistas irlandeses.

A sua participação na NLA IV tem o apoio da Embaixada de Portugal em Dublin e do Camões, Instituto da Cooperação e da Língua.

Sara Maia, nascida em Lisboa, é diplomada pelo Ar.Co (1991-1997) e expõe regularmente desde 1992. Trabalhou com a Galeria Mário Sequeira (Braga) e com a galeria parisiense Patrice Trigano. Está representada, entre outras, nas coleções Berardo, Banco Privado, Caixa Geral de Depósitos e JPLM.

 

 

Tópicos neste artigo:
Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.