Língua e Cultura em Notícias nº 120

Eventos realizados em vários países dos cinco continentes, envolvendo a Divulgação da Língua e Cultura Portuguesa.

Número 120  ·  19 de Dezembro de 2007  ·  Suplemento do JL n.º 971, ano XXVII

EUROPA

Alemanha

Por iniciativa do CLP/IC de Hamburgo, em cooperação com o Programa Artístico do DAAD e as Universidades de Leipzig, Hamburgo e Humboldt de Berlim, o realizador brasileiro Marcelo Gomes, bolseiro do DAAD no ano de 2007, apresentou em Novembro Cinema, aspirinas e urubus, a sua última longa-metragem, nas instituições referidas.

 

Exposição Omnis Femina
Exposição «Omnis Femina»

A exposição «Omnis Femina» tem estado a decorrer na Alemanha, iniciando o seu percurso na cidade de Hamburgo em Julho, no Centro de Língua Portuguesa do Instituto Camões. Seguiu para Leipzig, onde foi exposta em Novembro no átrio da Faculdade de Filologia e esteve também em Berlim até 10 de Dezembro, na «A Livraria».

 

A fotógrafa Diana Silva associa os quatro elementos da natureza, água, ar, fogo e terra, à vida da mulher, do nascimento à morte.

Croácia

Apoiada pelo Instituto Camões e pela Embaixada de Portugal em Zagreb decorreu, no anfiteatro Matica Hrvatska (Sociedade Literária da Croácia), no dia 21 de Novembro, a sessão de lançamento da recente edição de Sonetos de Camões, com tradução de Meri Grubic Videc.

Eslováquia

Revista literária «Svetovej Literatuúry»Foi publicada em Outubro, na Eslováquia, a revista literária Svetovej Literatuúry, dedicada à literatura de língua portuguesa. A tradução dos excertos dos autores portugueses foi da responsabilidade de antigos estudantes do Leitorado de Bratislava, hoje licenciados em Português.

A revista tem o apoio da Embaixada de Portugal em Bratislava e do Ministério da Cultura da Eslováquia.

Espanha

Realizou-se nos dias 8 e 9 de Novembro, na Casa del Llibre, em Barcelona, o encontro de poetas intitulado «A nossa ideia de nós». Nesta iniciativa, organizada pelo Instituto Camões, estiveram presentes Maria Teresa Horta, Helga Moreira, Chantal Maillard, Tònia Passola, Ana Marques Gastão, Rosa Lentini, António L. Guines e Concha Garcia.

José Luís Peixoto proferiu, na Universidade de Barcelona, no dia 14 de Novembro, a conferência intitulada «A Literatura Portuguesa Actual». Esta iniciativa teve o apoio do Instituto Camões.

Com o apoio do Instituto Camões e do Gabinete de Iniciativas Trans-Fronteiriças, o III Festival de Cinema Documental da Extremadura (EXTREMA´doc) decorreu entre 19 e 30 de Novembro em diferentes salas de projecção da cidade de Cáceres (Espanha). O evento cultural, organizado pela Associação Docus Extremadura com o objectivo de estimular e divulgar o documentário de autor, apresentou obras que, na sua maior parte, se exibem e programam em circuitos minoritários e a que o grande público não tem acesso. Este ano foram apresentados os documentários portugueses Ainda há Pastores, de Jorge Pelicano, e O Fole, da produtora Oficina da Imagem.

Simpósio Internacional Letras na RaiaO 3.º Simpósio Internacional Letras na Raia realizou-se nos dias 23 e 24 de Novembro, no Pazo da Cultura de Pontevedra, Galiza. Esta edição, intitulada Cinema e Literatura, foi organizada pela Associação de Escritores em Língua Galega, com o apoio do Instituto Camões e da Xunta de Galicia.

O simpósio deste ano debruçou-se sobre as relações entre cinema e literatura, através de diversas mesas-redondas com os seguintes títulos: «A literatura no cinema: adaptadores e adaptados», «Outros formatos do visual: meios e linguagens diferentes do cinema convencional», «A dupla escrita: escrita para ver, escrita para ler» e «O cinema e a literatura: o comum e o diferente». Foram ainda exibidos os filmes A Costa dos Murmúrios, de Margarida Cardoso, e A Mariñeira, de Xosé Antón Dobao.

O CLP/IC de Barcelona apoiou a representação da peça teatral El Mariner, de Fernando Pessoa, que esteve em cena no Brossa Espai Escènic de Barcelona até ao dia 2 de Dezembro. A peça é a versão catalã do poema dramático em prosa O Marinheiro, escrito em 1913 pelo poeta português.

 

Congresso na Universidade Autónoma de Madrid
Congresso na Universidade Autónoma de Madrid

«As relações discretas entre as monarquias espanhola e portuguesa Las casas de las reinas (siglos XV-XIX). Arte, música, espiritualidad y literatura» foi o título do congresso que se realizou em Madrid, de 11 a 14 de Dezembro, na Faculdade de Filosofia e Letras da Universidade Autónoma de Madrid (UAM)-Fundación Lázaro Galdiano.

 

O evento foi apoiado pelo Instituto Camões, Departamento de História da Universidade de Lisboa, Departamento de História Moderna da UAM, Instituto Universitário «La Corte en Europa», entre outros.

Finlândia

A Fundação Cultural Europeia, associação finlandesa presidida por Sinikka Salo, promoveu, no dia 25 de Novembro, na Universidade de Helsínquia, com o apoio da Embaixada de Portugal, um encontro sobre Portugal. Na iniciativa foi apresentada a comunicação «Portugal na União Europeia», pelo Embaixador de Portugal, e proferida uma palestra sobre a História de Portugal, por Timo Riiho, responsável pelos Estudos Portugueses na Universidade de Helsínquia. Por último, Rita Dahl, estudiosa da língua portuguesa, com algumas intervenções na tradução e divulgação da poesia portuguesa, falou sobre aspectos da vida pessoal e literária de Fernando Pessoa.

França

Realizou-se no Centro Cultural Calouste Gulbenkian em Paris a terceira jornada de estudo intitulada «Literatura, cinema e multiculturalismo no mundo lusófono», no dia 19 de Novembro. A iniciativa foi organizada pelo Departamento de Português, Cátedra Lindley Cintra do Instituto Camões na Universidade de Paris X - Nanterre e CRILUS (Centre de Recherches interdisciplinaires sur le monde lusophone), em colaboração com o Departamento de Letras da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD).
A jornada fez parte de um programa de investigação que beneficiou do apoio do Programa de Acções Integradas Luso-Francesas (PAUILF) do Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas e da Conferência de Presidentes das Universidades Francesas.

O evento acolheu oito conferencistas portugueses, brasileiros e franceses, abarcando aspectos diversos de obras literárias e cinematográficas de Portugal e do Brasil.

A jornada contou com o apoio da Universidade de Nanterre, PAUILF, Caixa Geral de Depósitos e Centro Cultural Calouste Gulbenkian.

O Departamento de Português e a Cátedra Lindley Cintra da Universidade Paris X - Nanterre organizaram, no dia 29 de Novembro, uma conferência em português intitulada «Os Tópoi do exílio e da ausência na poesia lírica de Camões», proferida por Carlos André, da Universidade de Coimbra.

Luxemburgo

No dia 12 de Dezembro teve lugar, nas instalações do Théatre d\'ESch, a inauguração da exposição «Portugal Património da Humanidade», exposição itinerante concebida pelo Instituto Camões.

Treze monumentos e paisagens de Portugal, referências incontornáveis da sua história, foram integrados na Lista do Património Mundial, em 1983. Com esta exposição, o Instituto Camões pretende dar a conhecer estes bens, que foram considerados pela UNESCO de valor universal excepcional.

Este evento, que estará patente ao público até 22 de Dezembro, conta com o patrocínio da Caixa Geral de Depósitos (CGD).

República Checa

 

Expolingua em Praga
Expolingua em Praga

Nos dias 9 e 10 de Novembro decorreu, em Praga, a XVII edição da Expolíngua, feira internacional de Línguas, Educação e Culturas, este ano dedicada aos países germanófonos.

 

O Instituto Camões esteve presente no certame, dando a conhecer a vasta oferta de cursos presenciais e a distância que organiza, especialmente destinados a estrangeiros que pretendem saber mais acerca da língua portuguesa e culturas lusófonas. Na área de comunicações e conferências, o Instituto Camões promoveu um mini-curso de Português e Cultura Portuguesa, conduzido por Jan Hricsina, docente na Universidade Carolina em Praga, que apresentou uma panorâmica da posição da lusofonia no mundo, os momentos-chave da história de Portugal, bem como uma perspectiva da cultura portuguesa contemporânea no contexto internacional.

Rússia

No quadro da Presidência Portuguesa da União Europeia na Rússia, encontra-se já à venda a tradução em língua russa da História Concisa de Portugal, de José Hermano Saraiva, subsidiada pelo Instituto Camões. A edição é da «Viés Mir», editora que tem publicado obras sobre a história de países europeus.

Suécia

Os Imortais, de António Pedro Vasconcelos, foi a longa-metragem escolhida para encerrar o Ciclo de Cinema África Lusófona, que decorreu na Universidade de Estocolmo, de 5 a 8 de Novembro.

Foram ainda exibidos O Herói, o primeiro filme de ficção do realizador angolano Zézé Gamboa, com uma forte índole documental, os documentários sobre Moçambique, Kuxa Kanema e Dois Mundos, de Margarida Cardoso e Graça Castanheira respectivamente, e o documentário Outras Frases, de Jorge António, sobre a bailarina e coreógrafa angolana Ana Clara Guerra Marques.

O Instituto Camões apoiou esta iniciativa cinematográfica.

 

ÁFRICA

Angola

O filme Lisboetas, de Sérgio Tréfaut, abriu, no dia 21 de Novembro, em Luanda, a 2.ª Mostra de Cinema Ibérico, cujas sessões diárias, até 6 de Dezembro, decorreram no auditório do CCP/IC da capital angolana.

Organizada pelo Instituto Camões e pela Cooperação Espanhola em Angola, a mostra incluiu 11 produções portuguesas e espanholas, das quais se destacaram La Celestina, de Cesar Ardavin, Alice, de Marco Martins, Son de Mar, de Bigas Luna, El caballero don Quijote, de Manuel Gutiérrez, Odete, de João Pedro Rodrigues, entre outras.

Cabo Verde

Álbum «4 Sinfonias», O compositor e musicólogo cabo-verdiano Vasco Martins esteve no Auditório do CCP/IC na Cidade da Praia, no dia 23 de Novembro, para um concerto que assinalou o lançamento do álbum «4 Sinfonias», com apresentação do músico Mário Lúcio.

«Troca de Olhares»«Troca de Olhares» é o título da exposição comissariada por Isabel Carlos, que reúne trabalhos de vídeo, desenho, escultura e fotografia dos artistas portugueses Vasco Araújo, Ângela Ferreira, Maria Lusitano e Francisco Vidal e que o Instituto Camões exibe no Auditório do CCP/IC na Cidade da Praia, de 29 de Novembro a 4 de Janeiro.

No dia 29, após a abertura da exposição, decorreu uma mesa-redonda sobre «Tendências da Contemporaneidade», com a participação de Isabel Carlos e dos artistas Francisco Vidal (Portugal), Abraão Vicente e Danny Spínola (Cabo Verde).

No dia 30 de Novembro, na MEIA - Mindelo Escola Internacional de Artes, teve lugar a apresentação de um workshop sobre «Curadoria e Arte Contemporânea», orientado por Isabel Carlos e os artistas plásticos Leão Lopes e Francisco Vidal.

Marrocos

Adalberto Alves, jurista, poeta e conferencista, realizou, nos dias 15 e 16 de Novembro, duas conferências intituladas «Portugal: ecos dum passado árabe», no CCP/IC em Rabat e na Faculdade de Letras e Ciências Humanas da Universidade Hassan II - Ain Chock de Casablanca, respectivamente. O evento contou com o apoio do Instituto Camões.

Moçambique

A 9.ª Conferência da LASU (The Linguistic Association for SADC Universities) subordinada ao tema «Linguística, Diversidade Cultural e Integração Regional» realizou-se de 27 a 29 de Novembro, na Faculdade de Letras e Ciências Sociais da Universidade Eduardo Mondlane (UEM), em Maputo.

Durante a conferência, Conceição Siopa, Leitora do IC na UEM, apresentou a comunicação «Investigação e prática pedagógica na aula de Português».

O CCP/IC em Maputo, com o apoio da Lusomundo e o patrocínio das Páginas Amarelas-Listas Telefónicas de Moçambique, organizou, de 3 a 6 de Dezembro, no Auditório do Centro Cultural Franco-Moçambicano, um certame consagrado ao cinema português.

No Ciclo de Cinema Português foram apresentados diariamente dois filmes, um documentário e uma curta-metragem. Da programação constaram, entre outros filmes, Rasganço, de Raquel Freire, e Lá Fora, de Fernando Lopes, que foram exibidos pela primeira vez em Maputo, bem como a curta-metragem Ossudo, de Júlio Alves, baseada no conto Ossos, de Mia Couto, recentemente estreada em Portugal. Foram ainda projectados os documentários Lusofonia a (r)evolução, da Red Bull Academy, e Margem Atlântica, de Ariel de Bigault.

Tunísia

«André Valente», de Catarina Ruivo, foi o filme de abertura das Jornadas de Cinema Europeu em Tunes, que decorreu até 22 de Novembro.

A projecção foi antecedida de um concerto do grupo europeu «Rumur Hang», acompanhado por bailarinos do Centro Mediterrânico de Dança Contemporânea de Tunes.

As Jornadas de Cinema Europeu, o maior evento cinematográfico na Tunísia, no qual estão representados diversos países da União Europeia e também alguns nomes do cinema tunisino, apresentaram ainda a curta-metragem de João Nicolau, Rapace.
A presença portuguesa neste certame teve o apoio do Instituto Camões, da Embaixada de Portugal em Tunes e do CLP/IC da Universidade de Manouba.

 

AMÉRICA

Argentina

No dia 8 de Outubro, o Colégio Santa Rosa, escola integrante do Projecto Pedagógico Instituto Camões e Escolas Primárias Argentinas, recebeu a Aula Aberta de Língua Portuguesa.

Nos dias 11, 12 e 13 de Outubro, em Concordia, província de Entre Rios, o Instituto Camões esteve representado no V Congresso Nacional de Professores de Português, organizado pela Associação Argentina de Professores de Português. No encontro, Sónia Mendes, Leitora do IC em Buenos Aires, proferiu uma comunicação intitulada: «Poderá o portfolio para as línguas promover a autonomia na aprendizagem?».

Ainda nos dias 23, 24 e 25 de Outubro, teve lugar a 1.ª edição da Feira Expolenguas y Culturas de Buenos Aires. O Instituto Camões esteve presente com um stand, onde foram divulgados Cursos de Língua e Cultura Portuguesa oferecidos pelo CLP/IC em Buenos Aires, Programas de Bolsas, Cursos a Distância do Instituto Camões e Exames do CAPLE.

No âmbito do Programa de Actividades Culturais organizado pela Feira, Sónia Mendes conduziu também, no dia 25, uma apresentação do Instituto Camões intitulada «La acción del Instituto Camões y su programa de becas».

Brasil

Foi lançado no dia 13 de Novembro, na Universidade Federal da Baía, em Salvador, a obra Viagens - Vitorino Nemésio e Intelectuais Portugueses no Brasil. O volume, organizado pelas professoras Evelina Hoisel e Maria de Fátima Ribeiro, recolhe uma selecção dos trabalhos apresentados no evento «Viagens - II Congresso Internacional de Estudos Nemesianos», realizado na Baía em Setembro de 2000. O Consulado-Geral de Portugal em Salvador da Baía apoiou a iniciativa.

Canadá

No dia 13 de Novembro, na Galeria Almada Negreiros do Consulado-Geral de Portugal em Toronto, realizou-se a conferência «Miguel Torga na Região do Barroso», por António Lourenço Fontes. Organizada em colaboração com o Departamento de Espanhol e Português da Universidade de Toronto, a conferência inseriu-se no âmbito do centenário do nascimento do poeta português e durante a IV Semana da Língua Portuguesa (12 a 19 de Novembro). António Lourenço Fontes centrou a sua apresentação nas memórias do convívio com Miguel Torga, efectuando leituras de vários excertos dos Diários sobre tradições e costumes de Trás-os-Montes e, em particular, da região do Barroso. Seguiu-se uma conversa com o público presente e o visionamento de um filme sobre a região onde nasceu o escritor.

Chile

 

Pedro Jóia
Pedro Jóia

A Embaixada de Portugal em Santiago do Chile participou, com três concertos do guitarrista Pedro Jóia, no Programa Embajadas Culturales Iberoamericanas, organizado pela Secretaria Executiva da XVII Cimeira Ibero-Americana, realizada em Santiago do Chile, entre 8 e 10 de Novembro.

 

Os concertos de Pedro Jóia realizaram-se nos dias 30 e 31 de Outubro e 3 de Novembro, no Teatro Municipal de Viña del Mar, no Teatro Municipal de Casablanca e na Corporación Cultural Las Condes em Santiago, respectivamente.

Para além dos concertos, Pedro Jóia participou em diversas actividades organizadas pela Secretaria Executiva, tendo estado em permanente contacto com artistas dos diferentes países envolvidos. No dia 2 de Novembro, o músico foi recebido pela Presidente chilena Michelle Bachelet. O Instituto Camões apoiou a iniciativa.

 

Fiesta de los Idiomas
Fiesta de los Idiomas

Realizou-se, no dia 17 de Novembro, a segunda «Fiesta de los Idiomas», que teve lugar no Café Literário de Providencia, em Santiago.

 

O evento foi organizado por oito Institutos de Língua e Cultura: Instituto Camões, Centro de Estudos Brasileiros da Embaixada do Brasil, Goethe Institut, Instituto Chileno-Britânico de Cultura, Instituto Chileno-Chino de Cultura, Instituto Chileno-Francês, Instituto Cultural Chileno-Japonês e Instituto Italiano di Cultura, e pelo Café Literário (da municipalidade de Providencia).

Cada Instituto dispôs de um stand para divulgação das suas actividades. O stand do Instituto Camões despertou muito interesse entre os visitantes do certame.

A Festa incluiu concertos, aulas em simultâneo (de meia hora cada uma) dos vários idiomas (alemão, chinês, francês, inglês, japonês, italiano e português e língua gestual), curtas-metragens alemãs e portuguesas e degustações gastronómicas com pratos típicos de cada país.

 

ÁSIA

Índia

 

Exposição Eça de Queirós e seus contemporâneos
Exposição Eça de Queirós e seus contemporâneos

No CLP/IC em Goa, nas suas instalações em Panjim, em colaboração com o Departamento de Português da Universidade de Goa, esteve presente, entre 22 e 30 de Novembro, a exposição «Eça de Queirós e seus contemporâneos». A mostra compreendeu diferentes aspectos do realismo na literatura portuguesa.

 

No dia 22 de Novembro, no CLP/IC, estudantes, membros do CLP/IC e público em geral assistiram à exibição de um documentário sobre a vida de Eça de Queirós.

Japão

Quioto recebeu, nos dias 24 e 25 de Novembro, o 25.º Concurso de Eloquência em Língua Portuguesa, promovido pela Universidade de Estudos Estrangeiros daquela cidade.

O evento, que visa promover a língua portuguesa no Japão, coincidiu com as celebrações dos sessenta anos da fundação da Universidade e dos quarenta da criação do departamento de línguas estrangeiras.

O Instituto Camões e a Embaixada de Portugal em Tóquio apoiaram a iniciativa.

Macau

O XIV Festival de Cinema Europeu, promovido pelo grupo da União Europeia para a cultura, organizado este ano pelo IPOR no âmbito da Presidência Portuguesa, realizou-se no dia 19 de Outubro em Macau, no Auditório do Consulado-Geral de Portugal, com a projecção do documentário Ainda há pastores?

Timor-Leste

A 2.ª Sessão do Ciclo de Cinema Lusófono CineTimor teve lugar no dia 17 de Novembro, na Fundação Oriente, em Díli, com a projecção do filme Nha Fala, de Flora Gomes.

A actividade teve organização da Cooperação Portuguesa - IC (Instituto Camões) e da Cooperação Brasileira - CAPES (Coordenadoria de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior).

Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.