IC poderá formar em Português estudantes timorenses na Indonésia

O Instituto Camões (IC), através da sua leitora na Indonésia, poderá vir a ministrar cursos para formadores em Língua Portuguesa a jovens timorenses que se encontram a estudar naquele país da Ásia do Sudeste.

Número 127   ·   2 de Julho de 2008   ·   Suplemento do JL n.º 985, ano XXVIII

O processo está ser estudado na sequência de uma solicitação do Governo de Timor-Leste, através do seu ministro da Educação, Prof. João Câncio Freitas, que pediu este mês a cooperação do IC na Indonésia para a formação em Português de todos os estudantes timorenses que frequentem universidades em Jacarta, Bali e Kupan.

O IC propôs que fosse criado entre esses estudantes um corpo de formadores em Língua Portuguesa, de entre aqueles com maior competência linguística em Português, que frequentariam um Curso de Formação Pedagógica.

O IC propõe-se também elaborar Programas de Português para diferentes níveis de competência linguística (desde iniciação a avançado).

Uma vez a equipa de formadores em acção, o seu trabalho será monitorizado pela leitora do IC na Universitas Indonesia.

Números de 2007 apontavam para a existência de 1646 estudantes timorenses na Indonésia, sobretudo nas áreas de Engenharia, Economia e Agronomia.

Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.