Luta contra a Corrupção

Todos aqueles que gerem e administram dinheiro, valores e património público devem obedecer aos princípios da prossecução do interesse público, igualdade, proporcionalidade, transparência, justiça, imparcialidade e da boa fé na administração. O fenómeno da corrupção constitui uma violação clara destes princípios e o Camões, I.P. está empenhado em não tolerar essas práticas.

Por recomendação do Conselho de Prevenção da Corrupção (CPC), o Camões, I.P. aprovou um Plano de Gestão de Riscos de Corrupcão e Infrações Conexas, aplicável a todos na organização, que serve de instrumento de trabalho e de boa gestão.

 

Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.