Cartagena das Índias: Maria do Rosário Pedreira participa no Festival Literário Hay Fest

Date
31-01-2019 - 02-02-2019
Location
Cartagena das Índias

Description

Entre os dias 31 de janeiro e 2 de fevereiro de 2019, a escritora, poetisa e editora Maria do Rosário Pedreira vai estar na Colômbia para participar no Festival Literário Hay Fest de Cartagena das Índias. O Hay Fest é um dos mais importantes eventos literários da Colômbia que, nas últimas edições, contou com a presença de autores portugueses como Nuno Júdice, Gonçalo M. Tavares, Afonso Cruz, Filipa Leal, José Tolentino Mendonça e Valter Hugo Mãe.

O destaque desta 14ª edição vai para os ativismos do século XXI. A romancista e ensaísta nigeriana Chimamanda Ngozi Adichie, a escritora britânica Zadie Smith, a chilena Diamela Eltitt, a jornalista Lydia Cacho (México) e a atriz e ativista Bianca Jagger (Nicarágua) são algumas das convidadas que se juntarão para pensar as formas atuais de fazer ativismo. Outra das convidadas especiais desta edição é Shirin Ebadi, a primeira mulher muçulmana e primeira iraniana a receber o Prémio Nobel da Paz (2003). Advogada, desenvolveu o seu trabalho em torno da democracia e dos direitos humanos, com um ênfase particular nos direitos das mulheres e das crianças, razão pela qual foi forçada a exilar-se em Londres.

A programação de 2019 terá mais de 150 escritores, pensadores, jornalistas, filósofos e músicos de mais de 30 países.

Maria do Rosário Pedreira participará na Gala de Poesia do Hay Fest com Cecilia Balcázar (Colômbia), Piedad Bonnett (Colômbia), Mircea Cartarescu (Roménia), Tamara Kamenszain (Argentina), Luna Miguel (Espanha), Winston Morales Chavarro (Colômbia), Ioana Nicolaie (Roménia) e Manuel Vilas (Espanha), numa sessão moderada por Guido Tamayo (Colômbia).

A poetisa, escritora e editora portuguesa participará ainda em duas sessões: uma dedicada ao seu trabalho como editora, intitulada “Bibliodiversidade – o labor do editor”, com o espanhol Enrique Redel, editor da “Impedimenta” e com Alvaro Llaso, fundador e diretor da editora peruana “Estruendomudo”, um dos projetos literários de maior referência na América Latina; e uma sessão numa biblioteca pública dedicada ao público infantil onde falará do seu conto “A biblioteca do avô” a crianças de um bairro social de Cartagena das Índias.

Ainda por ocasião da sua passagem pela Colômbia será feita a apresentação da antologia pessoal de Maria do Rosário Pedreira “Y amores imperfectos”, editada pela editora colombiana “Puro Pássaro” com tradução de Nicolas Barbosa e Pedro Rapoula. A apresentação estará a cargo do professor Jerónimo Pizarro.