Instrumentos de gestão

O Camões, I.P. prossegue uma gestão assente em instrumentos e programas de gestão que suportam uma atuação eficiente e eficaz nas diversas áreas de atividade em que a instituição está envolvida.

Consulte os diversos relatórios e planos que sustentam a nossa atuação.

Código de Ética

Como forma de fomentar a transparência, o Conselho Diretivo do Camões, I.P. entendeu ser necessário elaborar e divulgar um Código de Ética que reflita adequadamente os valores e as normas de conduta para os responsáveis, funcionários e demais colaboradores.

Sistema Integrado de Gestão e Avaliação de Desempenho da Administração Pública (SIADAP) 

O Sistema Integrado de Gestão e Avaliação do Desempenho da Administração Pública (SIADAP)  estabelecido pela Lei N.º 66-B/2007 visa contribuir para a melhoria do desempenho e qualidade de serviço da Administração Pública.

SIADAP 1 - QUAR - Quadro de Avaliação e Responsabilização

A avaliação de desempenho de cada serviço decorre do Quadro de Avaliação e Responsabilização (QUAR) instituído pela Lei N.º 66-B/2007. É um instrumento de gestão do Camões, I.P., que tem uma monitorização permanente e respetiva atualização a partir dos sistemas de informação dos serviços.

SIADAP 2 e 3 - Avaliação de Dirigentes e Trabalhadores

Gestão do Risco

Para maximizar as oportunidades e minimizar as ameaças é necessário que seja feita uma gestão do risco eficaz. Nesse sentido, o Camões, I.P. põe em prática um Plano de Gestão do Risco que se aplica a todas as atividades e orienta, com base, na especificidade desta área de atuação e nos compromissos assumidos por Portugal.

Plano de Atividades

O Plano Anual de Atividades (PAA), de acordo com o n.º 2 do artigo 1.º, do Decreto-Lei N.º 183/96, de 27 de setembro, deve apresentar os objetivos a atingir, os programas a realizar e os recursos a utilizar. É um instrumento de gestão, onde são estabelecidos, para o ciclo anual de gestão, as novas prioridades e objetivos em linha com os programas governativos.

Relatório de Atividades

Nos termos do n.º 3 do artigo 1º do Decreto-Lei N.º 183/96, de 27 de setembro, o relatório de atividades apresenta a atividade anual desenvolvida pela organização no cumprimento da sua missão e no quadro das orientações que foram estabelecidas.

Balanço Social

Elaborado anualmente, o Balanco Social é um instrumento de planeamento e de gestão dos recursos humanos dos serviços e organismos da Administração Pública.

Plano Estratégico de Formação Integrada (PeFi)

O Plano Estratégico de Formação Integrada (PeFi) estabelece as linhas de orientação a seguir na elaboração dos planos anuais de formação, bem como os mecanismos de acompanhamento e controlo para a implementação dos respetivos procedimentos.

Plano Estratégico de Tecnologias de Informação e Comunicação (PeTIC)

O Planeamento estratégico que se apresenta reflete uma abordagem prática da aplicação de um Planeamento estratégico TIC e do Plano de Projetos de Ações à realidade atual do Camões, I.P. 

Lei dos Compromissos e dos Pagamentos em Atraso (LCPA)

A LCPA estabelece as regras aplicáveis à assunção de compromissos e aos pagamentos em atraso das entidades públicas (declarações previstas no art.º 15 da LCPA).

Subvenções Públicas

De acordo com o previsto na Lei n.º 64/2013, de 27 de agosto o Camões, I.P. procede à Publicitação de Subvenções e Benefícios Públicos.

Empresa Promotora da Língua Portuguesa

 

Camões, I.P.
Cookies make it easier for us to provide you with our services. With the usage of our services you permit us to use cookies.