Morreu o escultor João Cutileiro

Publicado em terça-feira, 05 janeiro 2021 10:54

O escultor João Cutileiro morreu hoje, dia 5 de janeiro de 2021, aos 83 anos, num hospital de Lisboa.

 

Escultor e ceramista português, João Cutileiro nasceu a 26 de junho de 1937, em Lisboa.

João Cutileiro é autor do Monumento ao 25 de Abril, instalado no Parque Eduardo VII, em Lisboa, entre muitas outras obras.

Cutileiro viveu e trabalhou em Évora desde 1985. Frequentou os ateliês de António Pedro, Jorge Barradas e António Duarte de 1946 a 1950, tendo feito a sua primeira exposição individual (“Tentativas Plásticas”) em 1951, com 14 anos, em Reguengos de Monsaraz, onde apresentou esculturas, pinturas, aguarelas e cerâmicas.

Foi condecorado com a Ordem de Sant’Iago da Espada, Grau de Oficial, em agosto de 1983, e recebeu o Doutoramento Honoris Causa pela Universidade de Évora e pela Universidade Nova de Lisboa, este último, concedido em 2017.

Em 2018, Cutileiro recebeu a medalha de mérito cultural, atribuída pelo Governo, numa cerimónia no Museu de Évora que serviu igualmente para formalizar a doação do espólio do escultor ao Estado português.

O escultor era irmão do diplomata e escritor José Cutileiro, que morreu em maio de 2020.

Marcelo Rebelo de Sousa numa nota publicada no site da Presidência da República considera que “João Cutileiro nunca foi indiferente, nem nunca nos deixou indiferente”, acrescentando que “o surrealismo interessou-o,   a política tentou-o, as viagens ao estrangeiro abriram-lhe horizontes”.

 
Lusa
 
Créditos da foto: LUSA/António Cotrim
Tópicos neste artigo: