Portugal: 7.º Encontro da Rede de Ensino Português no Estrangeiro

Publicado em sexta-feira, 29 julho 2022 11:48

Sob o tema "Cultura e Cidadania no Ensino Português no Estrangeiro (EPE)", o 7.º Encontro da Rede EPE, promovido pelo Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, I.P. reuniu em Lisboa - com difusão via plataforma digital - Coordenadores de Ensino, Adjuntos de Coordenação, Docentes e Leitores de Língua e Cultura Portuguesa em universidades estrangeiras, tendo em vista refletir sobre a integração e a operacionalização nos programas do EPE de competências nestes domínios, a par das competências linguísticas que os mesmos já encerram.

A sessão de abertura contou com a presença do Secretário de Estado da Educação, António de Oliveira Leite, tendo o encerramento ficado a cargo do Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, Paulo Cafôfo, salientando ambos os governantes a relevância do tema e a importância da presença da dimensão cultural no ensino em geral e no EPE, em particular, tendo presentes os destinatários deste ensino, ressalvando o trabalho e a importância do trabalho que os docentes têm desenvolvido.

Na sua intervenção, o Presidente do Camões I.P., João Ribeiro de Almeida, saudando igualmente todos os docentes do EPE e destacando a qualidade do seu trabalho, salientou o objetivo do Encontro de refletir sobre como melhor colocar em colaboração criativa a língua, a cultura e a cidadania no âmbito do EPE, de modo a também melhor se poderem cumprir aqueles que são os seus propósitos estratégicos. Uma reflexão que, tendo no ensino dirigido às comunidades portuguesas um foco especial, se estende a outras áreas do EPE.

Na mesa redonda que ocupou a parte da manhã, com a moderação do Vogal do Conselho Diretivo do Camões, I.P., João Neves, foram abordadas perspetivas e linhas de reflexão desenvolvidas ou em curso no âmbito da temática do Encontro. Nele participaram a Conselheira Cultural na Alemanha, Patrícia Salvação Barreto, que salientou a importância da ligação e da articulação entre as dimensões da língua e da cultura na ação externa; o Diretor de Serviços da Direção Geral da Educação, Hélder Pais, que partilhou a experiência do Ministério da Educação na construção, para a área da cidadania, do perfil do aluno na escolaridade obrigatória e o investigador e historiador Luís Farinha, que fez uma primeira explanação do estudo que está a ser desenvolvido para o Camões, I.P., visando a construção de um referencial na área da cultura, história e cidadania para os programas do EPE básico e secundário, que complementará o referencial já existente para o domínio das competências linguísticas.  

Na segunda parte do Encontro foram partilhados projetos e atividades concebidas e realizadas nas áreas temáticas do encontro por docentes das coordenações da África do Sul, Alemanha, Benelux (Luxemburgo, Bélgica e Países Baixos), Espanha, França, Suíça e Reino Unido, como exemplo de boas práticas.  

O 7.º Encontro do EPE decorreu no auditório CGD do ISEG – Instituto Superior de Economia e Gestão, cujo Vice-Presidente, Manuel Mira Godinho, tomou igualmente parte na sessão de encerramento.

A Rede EPE integra 323 docentes que apoiam o ensino e a aprendizagem da língua e da cultura portuguesa a jovens que frequentam o ensino básico e secundário nos países 17 países abrangidos, bem como 51 leitores que exercem funções em universidades em 41 países. Em termos globais, a intervenção do Camões, I.P. estende-se a mais de 70 países, através - para além desta sua rede direta de docência - dos cerca de 300 protocolos assinados com associações e instituições de ensino básico, secundário e superior estrangeiras, pelos quais se concretiza o apoio à criação de escolas associadas do Camões, I.P., à contratação de docentes por parte de universidades estrangeiras e à criação de Centros de Língua Portuguesa e de Cátedras Camões.

Reveja aqui o 7.º Encontro da Rede EPE e ouça aqui a reportagem da RDP Internacional.

IMG 2283

IMG 2326

IMG 2301

IMG 2369

IMG 2459

IMG 2559

IMG 2570

IMG 2569

 

Tópicos neste artigo: