Portugal: "Camões dá que falar" com António Vitorino

Publicado em terça-feira, 08 setembro 2020 16:57

O Camões volta a dar que falar, em formato virtual, no dia 10 de setembro de 2020, pelas 17h00, com António Vitorino, Diretor-Geral da Organização Mundial para as Migrações (OIM). O tema da conversa vai ser: “Impacto da pandemia na Agenda 2030 - o caso das migrações"

O orador estará presente via plataforma virtual.
 
Devido às limitações impostas pela situação atual, poderá assistir a este evento em formato virtual, através da emissão em direto que será transmitida na página de Facebook do Camões, I.P. 
 
António Vitorino nasceu em Lisboa, em 1957. Em 1981, tirou a Licenciatura em Direito e, em 1986, o Mestrado em Ciências Jurídico–Políticas, ambos pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. Foi também professor convidado da Faculdade de Direito da Universidade Nova de Lisboa e da Católica Global School of Law, da Universidade Católica Portuguesa.
 
Foi Secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares no IX Governo Constitucional (1983-1985). A seguir, na Região de Macau, foi Secretário-Adjunto do Governador (1986-1987). Em 1989, foi eleito juiz do Tribunal Constitucional pela Assembleia da República, cargo que exerceu de 1989 a 1994. Foi deputado ao Parlamento Europeu (1994-1995), onde presidiu à Comissão das Liberdades Cívicas e dos Assuntos Internos. Exerceu também, por dois anos, os cargos de Ministro da Presidência e Ministro da Defesa Nacional no XIII Governo Constitucional (1995-1997). Em 1999 foi indicado para Comissário Europeu para a Justiça e Assuntos Internos (1999-2004).

 

A 9 de junho de 2014 foi agraciado com a Grã-Cruz da Ordem Militar de Cristo.Em junho de 2018, os Estados-Membros da Organização Internacional para as Migrações (OIM) elegeram António Vitorino para Diretor-Geral da Organização, cargo que ocupa desde então.

Tópicos neste artigo: