Projeto das Unidades de Apoio Pedagógico na Guiné-Bissau

Publicado em sexta-feira, 22 março 2019 12:29

No âmbito das atividades de seguimento do Projeto das Unidades de Apoio Pedagógico/Polos de Língua Portuguesa (UAP/PLP) na Guiné-Bissau, o Adido para a Cooperação na Guiné-Bissau, acompanhado pelo Coordenador do Projeto, visitaram o PLP de Bissorã, na região do Oio.

Foi possível observar o interesse e comprometimento da turma de dezasseis formandos e formandas presentes na ação de formação, que tem como principal objetivo melhorar as suas competências em língua portuguesa enquanto docentes do Ensino Básico público e comunitário.

Foram recentemente certificados 433 docentes que frequentaram e terminaram com sucesso o ciclo formativo de 2015-2018, e que abrange no corrente ano letivo cerca de 600 docentes distribuídos pelos vários Polos de formação das UAP.

O Projeto das UAP é um projeto do Camões - Instituto da Cooperação da Língua, I.P., implementado em articulação com o Centro de Língua Portuguesa da Escola Normal Superior de Tchico Té. Trata-se de um projeto de formação contínua de professores, enquadrado num protocolo estabelecido com o Ministério da Educação da Guiné-Bissau em 2005.