República Checa: Exposição “Cravos e Veludo – Arte e Revolução em Portugal e na Checoslováquia 1968 – 1974 – 1989

Publicado em quinta-feira, 18 abril 2019 13:26

Será inaugurada no dia 29 de abril de 2019, na Galeria Municipal de Praga, a exposição Cravos e Veludo / Arte e Revolução em Portugal e na Checoslováquia 1968-1974-1989.

Sob curadoria de Sandra Baborovská (Galeria Municipal de Praga) e Adelaide Ginga (Museu de Arte Contemporânea do Chiado), "Cravos e Veludo" é uma mostra coletiva de arte contemporânea, que faz uma analogia entre a arte portuguesa e a arte checoslovaca produzida no período entre 1968 e 1989.

Serão apresentados trabalhos de artistas da antiga Checoslováquia nas suas diversas respostas ao regime totalitário, em diálogo com seus contemporâneos portugueses à época, como Helena Almeida, Lourdes Castro, Ana Vieira, Ana Hatherly, Fernando Calhau, Alberto Carneiro, Manuel Alves e Silvestre Pestana.

A iniciativa de intercâmbio cultural pretende promover a relação histórica e cultural Luso-Checa, através da celebração da democracia e da liberdade de expressão em ambos os países, que passaram por revoluções pacíficas e que deram mote ao título da exposição.

A exposição, realizada sob os auspícios da Embaixadora de Portugal na República Checa e da Presidente da Câmara Municipal de Praga, com o apoio do Camões-Centro de Língua Portuguesa (CLP) em Praga, conta com obras de coleções públicas e privadas de ambos os países.

Estará aberta ao público, na Biblioteca Municipal de Praga, até ao dia 29 de setembro.

Aproveitando a ocasião, realizar-se-á um evento evocativo da participação de jovens portugueses na Revolução de Veludo, em 1989, em Praga, que distribuíram 50.000 rosas pelas ruas da cidade, como forma de apoio e solidariedade com o povo checo. Para o efeito, estará presente, para discussão sobre a efeméride, Álvaro Beleza, Diogo Cabrita, António Tavares, José Campelo, José Viegas, Paulo Barros Vale, estudantes portugueses que viajaram de Portugal a Praga para "ajudar a fazer a revolução".

O encontro está marcado para o dia 30 de abril, às 19h, na Biblioteca Vacláv Havel.

Mais informação em: https://www.dn.pt/lusa/interior/artistas-portugueses-e-checos-celebram-revolucao-na-exposicao-cravos-e-veludo-10797751.html