Organização

Organograma do Camões, I.P.

O presente organograma apresenta a forma como o Camões, I.P. está estruturado:  

 

Os órgãos do Camões, I.P. são:

  • Conselho Diretivo
  • Fiscal Único
  • Conselho Consultivo para a Língua e Cultura Portuguesa
  • Comissão Interministerial para a Cooperação

Ao nível da direção superior, o Camões, I.P. conta com um Conselho Diretivo e um Fiscal Único (órgão de controlo). 

 

 

Conselho Diretivo - Presidente

O Conselho Diretivo é composto por um presidente, um vice-presidente e dois vogais, cabendo ao presidente voto de qualidade.

 
foto luisfaroramos
Presidente do Conselho Diretivo

Embaixador Luís Faro Ramos

Diplomata, casado, com dois filhos. Licenciado em Direito pela Universidade de Lisboa, ingressou no Ministério dos Negócios Estrangeiros em 1987. Esteve colocado em diversas representações portuguesas no estrangeiro, nomeadamente: Atenas (1993), Macau (1998), Genebra (1999), Bruxelas (2004), Tunes (2012) e Havana (2015), as duas últimas como Chefe de Missão. Desempenhou também funções como Chefe de Gabinete do Secretário de Estado da Defesa Nacional e dos Assuntos do Mar (2008-2009) e Diretor-Geral de Política de Defesa Nacional (2010-2012). Foi representante das categorias de secretário de embaixada e conselheiro de embaixada no Conselho Diplomático, entre 1996-1998 e 2008-2010. A 24 de outubro de 2017 foi nomeado Presidente do Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, I.P. por despacho do Ministro dos Negócios Estrangeiros.

Conselho Diretivo - Vice-Presidente

x image
Vice-Presidente do Conselho Diretivo

Dr. Gonçalo Nuno Teles Gomes

Vice-Presidente do Conselho Diretivo do Camões, I.P., desde março 2016. Tem uma carreira diplomática de duas décadas, durante a qual esteve colocado nas Embaixadas em Kinshasa, Pretória, Missão Permanente em Genebra e Maputo (Cônsul-Geral), ocupou o cargo de Diretor de Serviços das Américas e trabalhou para as Nações Unidas na MINURCAT (Chade e República Centro-Africana). Tem licenciatura e mestrado em Direito e é natural de Setúbal.

Vogal do Conselho Diretivo

Dra. Paula Pedro Loureiro

Licenciada em Economia pelo Instituto Superior de Economia e Gestão, pós-graduada em Estudos Europeus e em Relações Internacionais. Ingressou na carreira técnica em superior em 2001, no Ministério dos Negócios Estrangeiros, tendo exercido funções no Gabinete de Organização, Planeamento e Avaliação e na Direção de Serviços de Planeamento, Orçamento e Conta do Departamento Geral de Administração do MNE. Chefe da divisão de Planeamento, Programação e Avaliação (2008-2012) da Direção de Serviços de Planeamento, Orçamento e Conta. Diretora dos Serviços de Planeamento, Orçamento e Controlo Orçamental do Departamento Geral de Administração do MNE (2012-2018).

Vogal do Conselho Diretivo

Mestre João Laurentino Costa Pinho Neves

Licenciado em Línguas e Literaturas Modernas (Estudos Portugueses-Ingleses) e Mestre em Relações Interculturais. Ingressou na carreira docente em 1985. Foi Leitor do Instituto Camões em Nampula, Moçambique (1995 a 2000), e Responsável do Centro Coordenador dos Centros de Língua Portuguesa daquele Instituto (2000-2002). Adido Cultural junto da Embaixada de Portugal em Cabo Verde e Diretor do Centro Cultural de Português (2003-2012). Diretor do IPOR - Instituto Português do Oriente, em Macau (2012-2018). Vogal do Conselho Diretivo do Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, por despacho do Ministro dos Negócios Estrangeiros, desde 1 de setembro de 2018.

 

 

Secretariado

Ana Maria Gomes
Carla Sofia Silva

Maria Elizabeth Melo

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Tel: (+351) 213 109 103/04/28/89
Fax: (+351) 213 143 987

Carla Azevedo Silva
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Tel: (+351) 213 176 830
Fax: (+351) 213 147 897

Chefe de Gabinete do Conselho Diretivo

Dra. Maria Inês Castelo Branco

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Tel: (+351) 213 109 122
Fax: (+351) 213 143 987

Órgãos consultivos

Comissão Interministerial para a Cooperação

Missão

A Comissão Interministerial para a Cooperação (CIC) é um órgão setorial de apoio ao Governo na área da política da cooperação para o desenvolvimento, que funciona junto do Camões, I.P..

Competência

À CIC compete:

  • Apoiar o Governo na definição da política de cooperação com os países em desenvolvimento;
  • Promover o planeamento articulado dos programas e projetos de ajuda pública ao desenvolvimento;
  • Articular as intervenções dos diversos ministérios em matéria de cooperação e ajuda pública ao desenvolvimento, tendo em vista o estabelecimento de orientações concertadas e o reforço da coordenação e coerência das políticas para o desenvolvimento;
  • Promover a coordenação da execução dos programas e projetos de cooperação de iniciativa pública;
  • Promover a recolha e a partilha, entre os seus membros, das informações e dados estatísticos relativos à execução das atividades de cooperação.

Conselho Consultivo para a Língua e Cultura Portuguesas

O Conselho Consultivo é o órgão de consulta, apoio e participação na definição das linhas gerais de atuação do Camões, I. P., e reúne pelo menos uma vez por ano, nos termos do respetivo regulamento interno.

O Conselho Consultivo é constituído:

  • Pelo presidente do Camões, I. P., que preside, e pelo vice-presidente e vogais;
  • Por um representante de cada um dos membros do Governo responsáveis pelas áreas dos negócios estrangeiros, da economia, da educação, do ensino superior, da ciência e tecnologia, da cultura, da juventude e da comunicação social;
  • Pelo diretor-geral de política externa, pelo diretor-geral dos assuntos europeus, pelo diretor-geral dos assuntos consulares e comunidades portuguesas do MNE;
  • Por cinco personalidades de reconhecido mérito nos domínios do ensino, da investigação, das artes e das ciências;
    Por um representante de cada uma das associações de sindicatos do pessoal docente, que integram as confederações sindicais com assento na comissão permanente da concertação social.

Competência

Ao Conselho Consultivo compete:

  • Pronunciar-se sobre o plano e o relatório de atividades do Camões, I. P., na área da língua e da cultura portuguesas;
  • Dar parecer sobre os planos de formação relativos ao ensino português no estrangeiro;
  • Dar parecer sobre o planeamento da rede de ensino de português no estrangeiro;
  • Dar parecer sobre a criação de centros culturais portugueses e as estruturas de coordenação do ensino de português no estrangeiro;
  • Pronunciar-se, por iniciativa própria ou mediante solicitação do presidente, sobre iniciativas relevantes para a prossecução das atribuições do Camões, I. P., na área da língua e da cultura portuguesas;
  • Contribuir para a articulação do Camões, I. P., com os órgãos do Estado e dos serviços públicos com os quais se relacione na prossecução das suas atribuições, na área da língua e da cultura portuguesas.
Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.