Portugal e EUA: CineMar - 2.ª Mostra de Cinema Português de Relação com o Mar

Data
24-09-2022 - 30-09-2022
Tópicos neste artigo:

Descrição

Terá lugar entre os dias 24 e 30 de setembro de 2022, em várias cidades de Portugal e dos Estados Unidos da América (EUA), o CineMar - 2.ª Mostra de Cinema Português de Relação com o Mar - Filmes, Conversas & Oficinas.

Esta iniciativa é organizada através de uma colaboração entre a cooperativa Break The Anchor (entidade sem fins lucrativos, EUA/ Portugal) e a Escola Náutica e de Construção Naval – The ApprenticeShop (Rockland, Maine, EUA), em articulação com o Plano Nacional de Cinema (PNC). A mostra conta também com outras colaborações, tais como da Agência da Curta Metragem (Festival de Curtas Metragens de Vila do Conde) e do Projeto Educativo do Doclisboa (Festival Internacional de Cinema Documental), tendo também o apoio do Ministério dos Negócios Estrangeiros – Comunidades Portuguesas.

Os filmes incluídos na programação desta 2.ª edição, tendo sempre o mar como referência, passam principalmente por temas de trabalho: o acesso ao mar, o lugar das mulheres, as questões ambientais e outros temas em que o mar é também um cenário da complexidade de sentimentos e estados psicológicos. Destaca-se ainda, na programação - além do cinema documental e de ficção, - o cinema de animação, nomeadamente a produção de curtas-metragens pelos alunos do ensino básico e secundário e as conversas com os vários artistas, introduzindo-se, em 2022, uma nova rubrica "Ler para Ver", com a apresentação de obras literárias acerca do mar e conversas com os autores e ilustradores.

As oficinas, dirigidas às diversas faixas etárias (podendo ser adaptadas a outras idades), são orientadas pelas equipas do projeto educativo do Doclisboa e do serviço educativo da Agência da Curta Metragem.

Pretende-se, através desta mostra de cinema, proporcionar uma reflexão sobre a nossa relação com o mar, lugar também de imaginação, questionamento, modos de perceção e formas possíveis de ação, sensibilizando para a sua importância como fonte de ligação entre as culturas, e para a forte cultura atlântica que une os dois países.

Esta edição decorrerá num formato híbrido (online e presencial), em auditórios escolares, museus, bibliotecas, entre outros, de modo a possibilitar o desenvolvimento das atividades em Portugal e nos Estados Unidos com um conjunto de filmes que serão seguidos de um debate com um programador da mostra e, quando possível, com a presença do/s realizador/es.

Para as escolas e outras entidades interessadas em participar no evento, os filmes (legendados em inglês) estarão disponíveis durante todo o período da mostra numa coleção online da Agência da Curta Metragem (excetuando-se aqueles que também serão projetados em espaços de exibição físicos e de acordo com a programação), podendo ser acedidos na hora mais conveniente e adequada ao trabalho dos professores, permitindo assim uma maior flexibilidade em relação ao horário das aulas e também a possibilidade de um trabalho autónomo por parte dos alunos.

As conversas e as oficinas (em português e inglês), além de decorrerem em espaços físicos determinados, serão também transmitidas via Zoom em direto e em simultâneo para Portugal e Estados Unidos, obedecendo ao horário estabelecido na programação.

Todas as atividades carecem de um pré-registo na página da Break The Anchor para o envio das respetivas ligações de acesso, e para acesso a informação complementar com todas as indicações acerca dos filmes, locais, horários e sinopses, bem como sobre as conversas com os vários artistas e oficinas de cinema, cujos enunciados estão também disponíveis para consulta na página.

O evento será uma oportunidade de encontro entre o público, os autores e os filmes, com a possibilidade de intercâmbio entre professores e alunos de escolas dos EUA - nomeadamente com o ensino de português - e de Portugal (continente e ilhas), promovendo-se, igualmente, a difusão do património cinematográfico português.

A participação nesta iniciativa é gratuita.

Consulte o programa aqui.