Subalternidades no Atlântico Sul

Curso avançado de pós-graduação dedicado ao Atlântico Sul, em particular à sua fundação/formação e às consequências históricas, políticas, sociais e culturais que o determinaram e que se projetam no horizonte contemporâneo. O percurso, que renova a tradição dos cursos de elearning “Estudos Pós-coloniais-Atlântico Sul” é genealógico: parte-se da contemporaneidade para analisar os efeitos do tráfico de escravos em contextos diferenciados como o de Portugal e o do Brasil e aprofunda-se o conhecimento das narrativas remontando os inícios do espaço conceitual, político e social do Atlântico meridional.

Parceria: Camões, I.P., e Cátedra Eduardo Lourenço/ Università degli Studi di Bologna

 

Créditos da imagem: "Atlântico Vermelho" (2017), da artista brasileira Rosana Paulino

 

Objetivos

 

  • Compreender o Atlântico Sul hoje e a densidade histórica das suas permanências contemporâneas (subalternidades, racismo, discriminações, heranças culturais etc.);
  • Reconstruir a genealogia do Atlântico Sul a partir das suas multiplicidades geográficas (Portugal, Países africanos, Brasil) em particular nas épocas históricas mais complexas (Guerras coloniais em África no século XX, Abolição no Brasil no século XIX);
  • Reconstruir de modo filologicamente rigoroso a fundação, a formação e a consolidação do Atlântico Sul e as origens das matrizes de subalternidade que o engendrou sobretudo a partir do tráfico escravo entre África e América;

 

    Metodologia

    Atividades assíncronas e síncronas com partilha de material multimédia, trabalhos individuais e de grupo, em discussão permanente com os docentes.

    Duração

    12 semanas: de outubro 2020 a fevereiro 2021 (1 semestre)

    Avaliação

    O trabalho participativo por módulo (4-5 horas por semana) é submetido a uma avaliação continuada, tanto individual como de grupo. A nota final será o resultado das avaliações parciais formuladas por cada módulo.

    Certificação

    Será emitido um certificado conjunto pelo Camões, I.P., e a Cátedra Eduardo Lourenço para os candidatos que realizarem as ativividades com aproveitamento. Este certificado é equivalente a um curso de 30 horas presenciais no Mestrado de Letterature Moderne Comparate e Postcoloniali do Departamento de Línguas Literaturas e Culturas Modernas da Universidade de Bolonha.

     

     

    + Info: