Aprendizagem e Ensino de Português Língua Não Materna

O curso pretende corresponder às necessidades de formação básica de um grupo diversificado de profissionais (professores, educadores e outros) que atuam (ou pretendem vir a atuar) na área do ensino de Português como Língua Não Materna (Língua Segunda e Língua Estrangeira). Visa, nesse sentido, reunir formandos com experiências pessoais e profissionais distintas e mutuamente enriquecedoras nesta área. 

Dado, no entanto, o seu perfil propedêutico, o curso adequa-se, igualmente, a todos quantos, cumprindo as condições de acesso, manifestem interesse e curiosidade pelas temáticas a abordar.

Objetivos

O curso tem os seguintes objetivos de aprendizagem:

  • Desenvolver uma visão adequada dos diversificados perfis sociolinguísticos, psicolinguísticos e linguísticos dos aprendentes do Português como Língua Não Materna (PLNM);
  • Compreender (i) os processos de aquisição e aprendizagem de línguas não maternas e (ii) os princípios fundamentais de ensino de línguas não maternas;

Caracterizar áreas linguísticas críticas dos aprendentes de PLNM.

 

Organização e metodologia

O curso Aprendizagem e Ensino de Português Não Materna encontra-se organizado em 4 temas. A frequência do curso implica a apropriação das temáticas através de uma plataforma que serve de suporte à aprendizagem. Em cada tema, os conteúdos estão disponíveis sob a forma de texto, intercalados por esquemas/animações e um vídeo-síntese, no qual a docente sistematiza os principais aspetos a ter em conta. Como complemento dos conteúdos são disponibilizados ainda, em cada tema, recursos de apoio apresentados em diferentes categorias: textos complementares da autoria da própria docente, artigos científicos, recursos multimédia e referências bibliográficas.

Para completar o curso com aproveitamento, o formando deverá concretizar atividades que visam (i) clarificar conceitos básicos e (ii) ilustrar a respetiva aplicação a casos e contextos efetivos. As atividades são obrigatórias e afetas a cada tema, de acordo com as datas previamente definidas no cronograma (o plano de atividades é disponibilizado a todos os formandos no início do curso).

A comunicação é assíncrona, sendo que o formando poderá participar nas atividades em qualquer horário (dentro das balizas temporais definidas no cronograma), a partir de qualquer local em que tenha acesso à Internet.  Apesar da flexibilidade de tempo e de espaço que tornam particular a modalidade de ensino a distância, o ideal é que o formando possa cumprir, desde o início, a calendarização das atividades previstas, no sentido de acompanhar o ritmo do grupo de formação. Neste curso, salienta-se a forte componente de interação entre docente e formandos e entre formandos, sendo promovida e incentivada a aprendizagem colaborativa.

O roteiro pedagógico desenhado para este curso assenta na prossecução gradual das atividades propostas, existindo atividades cuja adequada concretização depende da conclusão da(s) anterior(es). A docente efetua um acompanhamento regular das atividades e fornece feedback tema a tema.

O curso Aprendizagem e Ensino de Português Não Materna interseta o método ativo e expositivo, existindo, por um lado, um trabalho expositivo em que o formando visualiza e apreende os conteúdos teóricos e por outro, uma metodologia ativa, no momento em que é desafiado a colocar em prática os conhecimentos e a participar em partilhas e debates com a turma.

 

Duração

O curso tem a duração de 50 horas e está organizado estruturalmente em 4 temas.

  • Tema 1. Língua materna vs. língua não materna (língua estrangeira e língua segunda). (5h)
  • Tema 2. Bilinguismo(s) e L2. Para uma definição dos perfis de aprendentes de Português L2. (9h)
  • Tema 3. Interlíngua(s) e fossilização; transferência das LM e mecanismos transversais às LM. Áreas linguísticas críticas dos aprendentes de PLNM. (14h)
  • Tema 4. O papel do ensino na aquisição/aprendizagem de uma L2. Aquisição implícita e/ou ensino explícito da gramática: contributos para a discussão. (22h)

 

Avaliação

A avaliação no curso Aprendizagem e Ensino de Português Não Materna é contínua e sumativa.

Cada um dos quatro temas contempla atividades obrigatórias, cujo peso na classificação final varia consoante o grau de esforço exigido aos formandos.

Há atividades de natureza individual - questionários (de feedback automático) e envio de ficheiro – e atividades de natureza colaborativa - fóruns, wiki.

Exige-se a realização de todas as atividades e o mínimo de 5 valores (escala de 1 a 10) para a conclusão do curso com aproveitamento e a obtenção da respetiva certificação.

 

Certificado/Diploma

Aprovação, com escala mista (qualitativa e quantitativa), de acordo com o regulamento do CCPFC.

O formando que conclua o curso com aprovação (mínimo de 5 valores de classificação final) poderá requerer um diploma emitido pela Universidade de Coimbra, sujeito às taxas e emolumentos previstos. Para mais informações visite a página respetiva a Taxas e Emolumentos em www.uc.pt/academicos/propinas/emolumento.

 

Condições de Acesso / Pré-requisitos

Os formados deverão ser falantes nativos do português ou exibir uma proficiência mínima na língua portuguesa de nível B2, em particular com que concerne à escrita (cf. Quadro Europeu Comum de Referência para as Línguas: http://www.dgidc.min-edu.pt/ensinobasico/index.php?s=directorio&pid=88

[descritores globais do nível B2: p. 49; descritores relativos à escrita: p. 55, p. 96 e p. 98)

Serão ainda considerados os seguintes elementos:

  • avaliação do CV;
  • carta de motivação.

 

Documentos de Candidatura

  • Cópia digital do documento de identificação para alunos estrangeiros, em frente e verso, com data válida e legível; no caso dos candidatos portugueses, a cópia não é necessária, mas os dados completos devem constar da matriz anexa;
  • Curriculum vitae;
  • Cópia digital de certificado de habilitações/diploma;
  • Carta de motivação;
  • Declaração de compromisso de honra devidamente preenchido, assinado e digitalizado.

 

+ Info:
  • Regulamento
  • Inscrições encerradas. Próxima edição realiza-se entre 15 de março e 9 de maio de 2022