Formação em Portugal

Em função de programas de cooperação estabelecidos com cada um dos Países, são concedidas anualmente bolsas para o Ensino Universitário e Politécnico.

Objetivos

  • Formar jovens quadros em áreas prioritárias no quadro das estratégias de desenvolvimento do país de origem;
  • Privilegiar candidaturas para cursos inexistentes nos estabelecimentos de ensino local.

Destinatários

Estudantes nacionais e residentes de países com os quais Portugal mantenha relações bilaterais de cooperação e que pretendam aceder e ingressar em estabelecimentos de ensino superior em Portugal.

Como Candidatar-se

A apresentação das candidaturas decorre, unicamente, no país de origem junto das competentes autoridades locais.

Em cada um dos países, a divulgação do número de bolsas a disponibilizar, bem como dos documentos necessários à candidatura e dos prazos para entrega da documentação é da responsabilidade das competentes autoridades locais em parceria com as Embaixadas de Portugal.

O Camões, I.P. apenas considera válidas as candidaturas recebidas através dos canais institucionais.

 

Regulamento e Formulário

Regulamento de Concessão de Bolsas - Despacho nº 21371/2009, de 23 de setembro

Formulários

Duração e Renovação da Bolsa

Nível de licenciatura

A bolsa de estudo, válida por um ano letivo, é renovável por um período de igual duração, até ao limite do número de anos do curso.

O processo de renovação da bolsa, instruído com todos os documentos necessários deverá ocorrer até 31 de dezembro de cada ano. Nos casos em que o bolseiro comprove estar inscrito na época especial de exames de dezembro, o prazo poderá ser alargado até 31 de janeiro do ano letivo a que o pedido de renovação se reporta.

Níveis de pós-graduação/mestrado e doutoramento

A bolsa de estudo para obtenção de pós-graduação tem a duração correspondente ao curso e não é renovável.

A bolsa de estudo para obtenção de mestrado é válida por um ano e renovável por igual período uma única vez. Pode ser solicitado uma renovação especial até 6 meses para entrega e discussão púbica da dissertação.

A bolsa de estudo para obtenção de doutoramento é válida por um ano e renovável por iguais períodos, no máximo de duas renovações. Pode ser solicitada uma renovação especial de um ou dois semestres meses para entrega e discussão púbica da tese.

O processo de renovação da bolsa para os níveis de mestrado e de doutoramento, instruído com todos os documentos necessários deverá ocorrer até 30 de novembro de cada ano.

 

Tabela de Bolsas

Os valores das bolsas para 2018-2019 são os constantes da tabela seguinte

 

TABELA DE BOLSAS

ANO LETIVO 2018-2019

 

   Subsídio Manutenção
(mensal)
 Subsídio Instalação[1]
Subsídio Propina
(anual) 
Sub Material Didático[2] (anual) 
Subsídio Alojamento[3]
(mensal) 
 Doutoramento  870,00 €  275,00 €  Até 1.650,00€  -  -
 Mestrado  710,00 €  275,00 €  Até 1.100,00€  -  -
 Licenciatura  380,00 €  275,00 €  1.063,47€[4]  165,00 €  50,00 €
[1] O Subsídio de instalação é pago a todos os bolseiros uma única vez, durante a duração da bolsa
[2] Apenas se paga nas bolsas de licenciatura
[3] Caso o bolseiro obtenha alojamento em Residência universitária, será paga a residência.

[4] Valor indicativo (valor normalmente cobrado pelas universidades). Nas licenciaturas, ao contrário dos mestrados e doutoramentos, a propina é paga na totalidade, independentemente do valor.

Apoio ao Bolseiro

Atendimento Presencial - O qual é feito apenas por marcação prévia via correio eletrónico com indicação do assunto. Este atendimento permite o agendamento do atendimento em dia e hora previamente definidos. Com este serviço o Bolseiro é atendido no dia e hora que mais se adequa à sua disponibilidade, sendo por isso possível a prestação de um serviço eficaz a todos os Bolseiros - Um atendimento personalizado e à hora certa!

Pode fazer a marcação para o seguinte endereço eletrónico: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Outras Áreas de Ensino

Para além da concessão de bolsas para o Ensino Universitário e Politécnico Português, a Cooperação Portuguesa tem, igualmente, bolseiros nas seguintes áreas:

Ensino Jurídico

No âmbito do Programa Anual de Cooperação Bilateral para o setor da Justiça, o Centro de Estudos Judiciários promove anualmente o curso de Formação de Magistrados para auditores oriundos dos Países Parceiros. Este curso, co-financiado pelo Camões, I.P. e pela Direção-Geral de Política de Justiça, tem a duração de um ano letivo e visa a formação inicial nas dimensões de desenvolvimento de qualidades pessoais em relacionamento humano e de competências técnico-jurídicas.

Ensino Militar

Em função de programas de cooperação estabelecidos com cada um dos Países de Língua Oficial Portuguesa, o Ministério da Defesa (através dos Ramos das Forças Armadas), de acordo com uma verba que o Camões, I.P. disponibiliza anualmente, atribui vagas para cursos e estágios em Estabelecimentos de Ensino Militar a militares e jovens dos Países Parceiros.

Ensino Policial

Nesta área de formação o Camões, I.P. disponibiliza anualmente, um montante ao Instituto Superior de Ciências Policiais que atribui vagas a estudantes dos Países Parceiros para o Curso Superior de Polícia, cabendo ao Ministério da Administração Interna definir e gerir o contingente anual de bolseiros.

 

Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.